Cadeira de rodas hi-tech quer melhorar vida de portadores de deficiência física

Por Redação | 18 de Junho de 2014 às 16h00

Em 2011, um grupo de engenheiros japoneses que trabalharam na Nissan, Toyota, Sony e Olympus começaram a trabalhar em um projeto que resultou em uma cadeira de rodas elétrica com design futurista que poderia facilmente ser usada pelo grande Professor X, protagonista dos quadrinhos dos X-Men. Chamada de Whill Type-A, a cadeira de rodas futuramente poderá até ser conectada a um dispositivo móvel.

Para facilitar a vida dos portadores de necessidades físicas, a cadeira desliza o assento para a frente e, ao sentar, o usuário clica em um botão que faz o assento voltar para a posição normal. O objeto também possui tração nas 4 rodas para facilitar o deslocamento em lugares sem rampas, por exemplo. Para guiá-la, a pessoa tem 3 opções: utilizando um dispositivo que se parece com um mouse, um joystick ou um controle ergonômico. Em qualquer das opções, ao usuário pode operar a cadeira utilizando apenas uma das mãos e alternar o braço que fará o controle.

Um prótotipo de aplicativo para dispositivos móveis está em fase de desenvolvimento para ser usado conectado à cadeira. Os desenvolvedores do app disseram que, a princípio, ele está sendo desenvolvido para o iPhone, mas não descartam a possibilidade de também trabalhar com outras plataformas. O aplicativo se conectará à cadeira via Bluetooth e permitirá que o usuário controle o dispositivo remotamente.

Por enquanto, a cadeira de rodas futurista está disponível apenas no Japão e Estados Unidos e pode ser adquirida por nada menos que US$ 9.500. A pré-encomenda pode ser feita através deste site e a entrega será feita apenas a partir de dezembro.

Instagram do Canaltech

Acompanhe nossos bastidores e fique por dentro das novidades que estão por vir no CT.