Blackberry anuncia investimento de U$ 1 bilhão e demissão de funcionários

Por Redação | 14.11.2013 às 17:33

A BlackBerry revelou hoje (14) que já concluiu a captação do financiamento de U$ 1 bilhão em investimentos privados, anunciada anteriormente, através da Fairfax Financial Holdings Ltd. e um consórcio de outros investidores.

A empresa anunciou o plano de investimento de debêntures conversíveis em ações com a Fairfax na semana passada, depois que a companhia decidiu abandonar os planos de encontrar um comprador. A transação foi a forma encontrada pela fabricante canadense de smartphones para evitar a venda para a própria Fairfax, que havia assinado carta de intenção de compra no valor de US$ 4,7 bilhões, ou para outro interessado — a chinesa Lenovo era uma das candidatas.

Como parte do acordo, o presidente-executivo Thorstein Heins concordou em ceder seu cargo para o ex-presidente executivo da empresa Sybase Inc., John Chen – que recentemente serviu como conselheiro sênior de tecnologia da Silver Lake Partners, segundo o Financial Post.

"Estou animado para me unir a esta marca icônica em um momento tão importante de sua história", disse Chen. "Estou ansioso para liderar a BlackBerry na busca de uma transformação bem-sucedida e recuperar a posição de empresa inovadora no mercado. Acredito no valor da marca e estou confiante que vamos reconstruir a BlackBerry para o benefício de todos os nossos clientes".

Chen deve ficar no cargo até terminar a reestruturação da empresa e o processo de busca por um novo CEO.

Como parte da reorganização, além do rebaixamento de Thorstein Heins, a empresa informou que vai demitir 200 funcionários de sua sede em Irvin, no Texas. De acordo com o All Things D, a notificação de ajustamento e reciclagem já foi protocolada e, nos próximos meses, são esperados mais cortes de funcionários. Segundo o plano de reestruturação, a empresa deve demitir aproximadamente 4.500 funcionários ao redor do mundo nos próximos três trimestres.