Android e iOS equiparam 96,3% dos smartphones fabricados em 2014

Por Redação | 25 de Fevereiro de 2015 às 16h30
photo_camera Divulgação

Você já deve saber que Android e iOS são os sistemas operacionais mais utilizados em smartphones de todo o mundo, mas ter números reais para se trabalhar nunca é demais. Então, a empresa de análises IDC revelou nesta terça-feira (24) um relatório no qual crava a presença de ambos os SOs em nada menos do que 96,3% de todos os smartphones fabricados em 2014.

O desempenho somado dos sistemas rivais foi ainda melhor do que em 2013, quando, juntos, dominaram 93,8% do mercado. Entretanto, a esmagadora maioria dos aparelhos fabricados em 2014 — 81,5%, para ser mais exato — saiu da linha de produção com o Android embutido. Isso significa que 14,8% da produção anual de smartphones do último ano embarcava iOS.

O terceiro sistema operacional a ter mais unidades fabricadas em 2014 foi o Windows Phone, com 2,7%. O Blackberry fecha a lista dos quatro principais sistemas da atualidade, tendo uma fatia de apenas 0,4% do total de unidades fabricadas no ano passado. Em comparação com 2013, o Android cresceu 32%, o iOS cresceu 25,6% e o Windows Phone 4,2%. O BlackBerry diminuiu mais do que pela metade, tendo sua participação reduzida em 69,8% no período.

Transformando esse monte de porcentagens em números, o mundo fabricou pouco mais de 1,3 bilhão de smartphones ao longo de 2014. Dessas, 1,059 bilhão continha Android, 192,7 milhões saíram da fábrica com iOS e 34,9 milhões embarcavam a versão portátil do Windows — desempenho que nem de longe ameaça os dois sistemas mais utilizados na atualidade.

Smartphones fabricados em 2014

Ao longo dos anos

O IDC ainda revelou um gráfico comparando o desempenho das plataformas desde 2010 para cá. O Android saltou de uma fatia de mercado de 23,3% para 81,5% neste ano. O iOS se manteve praticamente estável, indo de 15,6% para 14,8%. O Windows Phone teve sua fatia, que já era pequena, reduzida, variando de 4,9% para 2,7%. O pior desempenho, entretanto, foi o do BlackBerry: de competidor de ponta em 2010, com 16%, ele acabou na lanterna com apenas 0,4%.

Outro fator interessante a se notar é a diminuição de outros sistemas operacionais que não os quatro principais. Em 2010, a soma dos adversários do quarteto estava em 40,2% dos aparelhos fabricados, mas, no último ano, essa porcentagem caiu para míseros 0,6%.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.