AVG lança serviço que bloqueia monitoramento de localização em aparelhos mobile

Por Redação | 10 de Dezembro de 2013 às 13h24

O uso de cookies e dados de navegação para fins de publicidade já é uma realidade comum na internet. Aos poucos, porém, uma nova forma de direcionamento de anúncios começa a aparecer nos smartphones, tendo a localização geográfica como grande motor. E é justamente isso que a AVG quer impedir com a mais recente atualização de seu aplicativo de segurança para Android.

Apesar de não ser a primeira empresa a liberar algo do tipo, a firma de segurança é a primeira das grandes a oferecer mais essa camada de segurança para seus usuários. Com o novo update, ela adicionou a opção DNT a seu app, impedindo que o endereço MAC dos aparelhos seja enviado para servidores após a conexão Wi-Fi em estabelecimentos comerciais. Sendo assim, fica impossível rastrear a localização geográfica dos celulares ligados à rede.

A ideia, segundo a própria empresa, não é atrapalhar o negócio dos outros, e sim garantir transparência e padronização para esse mercado. Na visão da companhia, os varejistas precisam adotar políticas que informem ao consumidor o que está acontecendo e deem a opção de desligar o rastreamento, exatamente o que é feito por meio do aplicativo.

O perigo, claro, está relacionado à privacidade. Na visão de Siobhan MacDermott, diretor de políticas do AVG, o problema está na maneira como os dados serão utilizados. Na visão dele, em declarações para a Forbes, não existe transparência nem contexto nessa coleta, sendo assim, é possível que as informações sejam usadas para outros fins que não a publicidade.

A camada de segurança adicional ainda não está disponível para iOS. Além do rastreio por meio do Wi-Fi, os usuários de iPhone e outros dispositivos Apple contam também com o iBeacon, anunciado juntamente à última versão do sistema operacional. O sistema permite que notificações push com promoções ou mensagens sejam enviadas automaticamente para aparelhos semelhantes que estejam nas proximidades.

Siga o Canaltech no Twitter!

Não perca nenhuma novidade do mundo da tecnologia.