A popularidade dos criptoativos continua em alta. A AMC, maior rede de cinemas dos EUA, após meses de brincadeiras e dicas sobre o assunto, começou a aceitar pagamentos em criptomoedas em seus serviços online.

O anúncio foi feito pelo CEO da AMC pelo Twitter, na quinta-feira (11). No pronunciamento, foi divulgado que a rede aceita, no primeiro momento, os seguintes ativos digitais: Bitcoin (BTC), Ether (ETH), Bitcoin Cash (BCH) e Litecoin (LTC). Nos próximos meses, a Dogecoin (DOGE), a famosa criptomoeda meme que chegou a bater o valor de mercado de US$ 40 bilhões (R$ 219,4 bilhões) nas últimas semanas, para poucos dias depois perder US$ 10 bilhões (R$ 54,87 bilhões), também poderá ser usada.

O CEO ainda afirmou que durante a quinta (11), o pagamento via criptomoedas já era responsável por um total de 14% das transações online da rede, contabilizando a compra de ingressos, com a opção recém-disponibilizada, e de cartões vale-presente, que já aceitavam pagamento via moedas digitais desde outubro.

Big newsflash! As promised, many new ways NOW to pay online at AMC. We proudly now accept: drumroll, please… Bitcoin, Ethereum, Bitcoin Cash, Litecoin. Also Apple Pay, Google Pay, PayPal. Incredibly, they already account for 14% of our total online transactions! Dogecoin next. pic.twitter.com/a7pqYBm7HB

— Adam Aron (@CEOAdam) November 12, 2021

A novidade vem em um momento positivo para as moedas digitais. Na segunda-feira (8), o mercado das criptomoedas superou pela primeira vez o valor de US$ 3 trilhões (R$ 16,3 trilhões), graças a entrada de investidores tradicionais no setor, com ativos como o Bitcoin e o Ethereum superando seus recordes históricos de valores.