A corrida pelo domínio da tecnologia de carros autônomos está em alta e as montadoras estão se mexendo para ver quem sai na frente. Com as gigantes chinesas da tecnologia se emaranhando com as figurinhas carimbadas do mundo automotivo, é possível que tenhamos uma bela competição. Após ver algumas concorrentes investirem pesado nessa área, a Volkswagen deu alguns sinais do que pretende fazer; e uma das ideias da fabricante alemã é fazer seu próprio chip ou processador para carros autônomos.

Segundo noticiou a Reuters há alguns dias, o CEO da Volks, Herbert Diess, disse que, para que um carro tenha o máximo de eficiência nesse campo, é melhor que tudo tenha origem em um só local: "Para alcançar o desempenho ideal em face das altas demandas que existem por carros, o software e o hardware precisam vir de uma mão”.

Informações de bastidores dão conta de que a Volkswagen não vai construir esses chips sozinha, tendo, claro, uma forte parceira por trás. Mas, para avançar com esse projeto, a montadora alemã vai deslocar a Cariad, sua divisão de softwares, para trabalhar nessa prospecção. A título de comparação, a Volvo, por exemplo, terá o apoio da Nvidia para desenvolver seus carros autônomos.

Imagem: Felipe Ribeiro/ Canaltech

A princípio, não há uma data para que a Volkswagen oficialize seus projetos ou modelos de carro autônomo.