Game of Thrones foi pirateada 7 milhões de vezes nos últimos três meses

Por Redação | 10 de Abril de 2015 às 11h53
photo_camera Divulgação

Um estudo promovido pelo serviço antipirataria Irdeto mostrou que os episódios de Game Of Thrones foram baixados ilegalmente mais de 7 milhões de vezes apenas nos três primeiros meses deste ano. Os dados divulgados estão bem acima do ano passado, quando foram contabilizados 8 milhões de downloads ilegais em doze meses.

No mesmo relatório, é possível notar que Game Of Thrones está bem à frente de outros seriados como The Walking Dead (5,7 milhões de downloads), Breaking Bad (3,8 milhões), Vikings (3,4 milhões) e House of Cards (2,7 milhões).

O número de 7 milhões de downloads piratas da série representa um aumento de 45% em relação ao mesmo período de 2014, quando a produção obteve 4,9 milhões de cópias baixadas ilegalmente. A maior parte da pirataria vem de fora dos Estados Unidos.

O Brasil é o país que mais realizou downloads ilegais do seriado baseado na obra de George R. R. Martin em todo mundo, seguido pela França e Estados Unidos. De acordo com Rory O'Connor, vice-presidente da Irdeto, "nossos dados de pirataria indicam que Game of Thrones continua a ser muito popular em países como Brasil e França, onde o HBO Now pode ser uma boa maneira de recuperar a receita [desperdiçada pela pirataria]".

A HBO anunciou em março que vai oferecer a quinta temporada do seriado online para 170 países ao mesmo tempo em que ele for ao ar nos Estados Unidos. Em outras temporadas, os episódios eram oferecidos para outros países com um atraso considerável de semanas ou meses. Mas isso parece não diminuir o ímpeto dos fãs da série, que querem assistir aos episódios gratuitamente.

Apesar de esforços dessa natureza, uma coisa é certa: a pirataria continua a crescer mesmo com serviços como Netflix, que oferecem seriados e filmes por meio de uma pequena assinatura mensal. Durante os três primeiros meses de 2015, havia 464 milhões de downloads ilegais só nos Estados Unidos, um aumento de 9% em relação ao ano passado.

"É comum dizer que a pirataria é um bom marketing, mas como a pirataria continua a subir rapidamente, a mentalidade está mudando para oferecer uma alternativa legal que seja conveniente, convertendo piratas em clientes pagantes", finalizou o executivo.

Via The Hollywood Reporter

Fonte: http://gizmodo.com/game-of-thrones-was-pirated-7-million-times-in-the-last-1696891925http://www.hollywoodreporter.com/news/game-thrones-piracy-soars-season-787594

Canaltech no Facebook

Mais de 370K likes. Curta nossa página você!