WhatsApp terá "aplicativo" para Windows 10

Por Redação | em 15.05.2017 às 13h19 - atualizado em 15.05.2017 às 19h21

WhatsApp

Sem alarde nem anúncio oficial, o WhatsApp está prestes a ganhar um aplicativo para Windows 10. A listagem do software já aparece na loja da Microsoft, mas o download ainda não é possível, indicando que uma liberação deve acontecer bem em breve. A versão, entretanto, está longe de ser a edição desktop que muitos usuários esperam há anos.

Ao invés de ser um aplicativo propriamente dito, o lançamento do WhatsApp para Windows 10 serve como um atalho para acesso à interface web do mensageiro. Isso significa que ela não funcionará de maneira independente — pelo contrário, a mesma validação de QR Code é exigida, bem como a necessidade de que o smartphone permaneça conectado à internet.

Entretanto, indícios de um desenvolvimento personalizado, por mínimo que seja, aparecem na utilização de um ícone dedicado ao aplicativo, o que indica que o Facebook trabalhou de forma direcionada em seu aplicativo para Windows 10. Isso está longe de indicar que uma versão independente está a caminho, assim como disponibilizada por Telegram e outros rivais.

Nem a Microsoft nem o Facebook informaram uma data de lançamento para o software. Ele, claro, será gratuito e poderá ser baixado diretamente pela loja de aplicativos do Windows 10.

Mesmo com as limitações, o lançamento marca mais uma estreia de alto nível para a Windows Store, que recentemente, ganhou duas presenças de peso, com nomes como Spotify e iTunes anunciando suas chegadas, em breve, à loja da Microsoft.

Fonte: Microsoft, MS Power User

Assine nosso canal e saiba mais sobre tecnologia!
Leia a Seguir

Comentários

Newsletter Canaltech

Receba nossas notícias por e-mail e fique
por dentro do mundo da tecnologia!

Baixe já nosso app Fechar

Novidade

Extensão Canaltech

Agora você pode ficar por dentro de todas as notícias, vídeos e podcasts produzidos pelo Canaltech.

Receba notificações e pesquise em nosso site diretamente de sua barra de ferramentas.

Adicionar ao Chrome