Conheça o kit que promete transformar carros comuns em autônomos

Por Redação | em 20.09.2016 às 20h10

carro autonomo

Talvez você não se lembre de George Hotz pelo nome, mas muito provavelmente vai entender por que o hacker norte-americano ficou tão famoso. Apelidado de geohot, million75 ou simplesmente mil, ele conseguiu proezas como desbloquear um iPhone homologado para funcionar apenas com a operadora AT&T e o fez funcionar em outras empresas de telecom. Aliás, ele também leva no currículo um Jaibreak para o iOS e um crack para o PlayStation 3.

Agora, parece que Hotz largou de lado os smartphones e consoles para pensar em algo maior, pelo menos em tamanho e em tendência: carros autônomos. Ele inaugurou, no ano passado, uma startup nos EUA, a Comma.ai, voltada especialmente para o ramo. E, neste ano, ele decidiu levar a coisa a sério e fazer promessas públicas de soluções que, segundo ele, farão a diferença.

Durante o último TechCrunch Disrupt, evento voltado à tecnologia divulgado pelo site de mesmo nome, Hotz anunciou um kit para carros que dispensam motoristas, já batizado de Comma One. E a ideia é que o pacote já comece a ser enviado aos compradores no final deste ano e transforme seus carros em verdadeiras máquinas independentes.

O tal kit, de formato retangular e esverdeado, vem para substituir o espelho retrovisor interno do carro e é auto-instalável, ou seja, além de fazer o necessário para comandar a autonomia do carro, ainda traz uma câmera e processa todos os algoritmos necessários para que a máquina passe a aprender mais sobre o ambiente e, finalmente, possa se guiar sozinha pelas ruas (com o auxílio de um humano).

Por enquanto, o dispositivo vai funcionar apenas em alguns modelos da Honda e da Acura, desde que apresentem sensores de faixa e de estacionamento. Isso porque o Comma One vai trabalhar de maneira integrada com o circuito de câmeras e sensores já instalados de fábrica nestes veículos.

O hardware em si vai sair pela bagatela de US$ 1 mil, mais a assinatura de um plano para o software embarcado no aparelho, que custará apenas US$ 24 dólares mensais. E Hotz garante que, com o aparelhinho instalado num veículo compatível, vai ser possível viajar mais de 80 Km sem sequer precisar encostar no volante. Um páreo duro para o Autopilot da Tesla, não?

Via Forbes

Assine nosso canal e saiba mais sobre tecnologia!
Leia a Seguir

Comentários

Newsletter Canaltech

Receba nossas notícias por e-mail e fique
por dentro do mundo da tecnologia!

Baixe já nosso app Fechar

Novidade

Extensão Canaltech

Agora você pode ficar por dentro de todas as notícias, vídeos e podcasts produzidos pelo Canaltech.

Receba notificações e pesquise em nosso site diretamente de sua barra de ferramentas.

Adicionar ao Chrome