Uber promete maior suporte a motoristas e novos recursos para passageiros

Por Redação | em 30.03.2017 às 11h37

Uber

Uma série de novas funcionalidades prometidas pela Uber na última semana já estão começando a aparecer para usuários do aplicativo em todo o mundo. As alterações fazem parte de uma série de medidas que devem ser implementadas pela empresa ao longo dos próximos meses como forma de melhorar, principalmente, sua turbulenta relação com os motoristas, que está cada vez mais complicada devido a tarifas, regulações municipais e escândalos envolvendo seu CEO, Travis Kalanick.

A principal novidade, que já está sendo implementada para usuários no Canadá, Reino Unido e EUA, é a possibilidade de editar o local de embarque, sem a necessidade de cancelar a corrida como um todo. Agora, caso o GPS apresente problemas ou o passageiro cometa erros, basta realizar uma alteração, com a mudança sendo refletida em tempo real para o motorista. A atualização chega em breve ao restante do mundo.

Outras novidades, entretanto, são voltadas especificamente para quem dirige. A partir desta semana, a Uber promete melhorar o processo de mediação de disputas e reclamações entre eles e os passageiros, levando o histórico dos motoristas em conta na hora de analisar eventuais problemas. A companhia sempre foi bastante criticada por agir de acordo com a vontade do usuário, muitas vezes, prejudicando seus parceiros no processo.

O sistema de identificação em tempo real também terá mais relevância, principalmente, em casos nos quais o passageiro alegar que o motorista encontrado não era o mesmo do cadastro sem que isso seja verdade. Hoje, a Uber utiliza um sistema que obriga quem dirige a tirar selfies periódicas para garantir sua presença nos carros, e bloqueia automaticamente a utilização do serviço caso existam problemas de identidade. A companhia diz que essa tecnologia também foi aprimorada para evitar falsos positivos.

Por fim, motoristas também podem ser compensados pelo valor total da corrida em caso de cancelamento, principalmente quando eles acontecerem durante a prestação do serviço. Caso o usuário não apresente uma justificativa adequada para a ação, o ônus não será mais sobre quem dirige, de forma a tornar o ambiente mais justo e, principalmente, lucrativo para todos.

A Uber diz que as novidades serão aplicadas em todas as praças em que atua e são apenas as primeiras de uma série de mudanças que virão ao longo das próximas semanas e meses.

Fonte: TechCrunch

Assine nosso canal e saiba mais sobre tecnologia!
Leia a Seguir

Comentários

Newsletter Canaltech

Receba nossas notícias por e-mail e fique
por dentro do mundo da tecnologia!

Baixe já nosso app Fechar

Novidade

Extensão Canaltech

Agora você pode ficar por dentro de todas as notícias, vídeos e podcasts produzidos pelo Canaltech.

Receba notificações e pesquise em nosso site diretamente de sua barra de ferramentas.

Adicionar ao Chrome