Uber lança programa com mensalidade para usuários frequentes

Por Redação | em 25.08.2016 às 14h30 - atualizado em 25.08.2016 às 16h57

Uber

O Uber encontrou mais uma maneira de engajar seus usuários e mantê-los utilizando o serviço. Em um projeto piloto que abrange seis cidades dos Estados Unidos, a empresa está acaba de lançar um programa de fidelidade para usuários constantes que permite a compra de pacotes de viagens com desconto e sem variação de tarifa.

O Uber Plus está disponível em Seattle, San Francisco, Washington, San Diego, Miami e Boston e tem preços que variam de cidade para cidade. Os planos custam a partir de US$ 20 (cerca de R$ 65) para pacotes que podem ter de 20 a 40 viagens, que devem ser utilizadas no período de um mês antes da renovação da assinatura mensal.

Leia também: Uber quer ajudar na aposentadoria dos motoristas

É importante deixar claro, entretanto, que não se trata de corridas gratuitas, mas, sim, com descontos significativos e isenção das tarifas variáveis, que podem aparecer para usuários comuns em momentos de alta demanda ou baixa disponibilidade de carros. É um processo semelhante ao da Amazon Prime, um serviço de assinatura que garante descontos e frete grátis para produtos da loja online.

As condições, entretanto, são interessantes. Em Boston, por exemplo, o Uber Plus custa US$ 40 e dá direito a 20 corridas com pagamento adicional de US$ 2 cada pela categoria Pool. Já em Washington, US$ 30 garante 20 viagens que custam US$ 9 cada uma na modalidade X, ou apenas US$ 1 no UberPool. Em todos os casos, o valor é fixo e independente da distância até o destino.

De acordo com o Uber, ainda, o número de vagas é limitado e as inscrições serão feitas na ordem de cadastro, até que o máximo possível seja atingido. Isso vale também para o projeto piloto e, por mais que a empresa já tenha deixado claro que pretende seguir adiante com a ideia, inclusive em outros países, ela ainda está em etapa de testes nas primeiras seis cidades, sem garantia de que se tornará algo definitivo.

Não fica claro, também, como funcionará o pagamento aos motoristas que atenderem passageiros do Uber Plus — se eles receberão o total “normal” das corridas ou algum tipo de tarifa diferenciada. Esse, inclusive, é um dos pontos polêmicos atuais para a companhia, que se vê diante de um gigantesco processo judicial na Califórnia, no qual motoristas desejam receber benefícios e serem tratados como funcionários registrados do serviço, rejeitando a ideia de que a empresa trabalha apenas com a tecnologia.

Fonte: Forbes

Assine nosso canal e saiba mais sobre tecnologia!
Leia a Seguir

Comentários

Newsletter Canaltech

Receba nossas notícias por e-mail e fique
por dentro do mundo da tecnologia!

Baixe já nosso app Fechar

Novidade

Extensão Canaltech

Agora você pode ficar por dentro de todas as notícias, vídeos e podcasts produzidos pelo Canaltech.

Receba notificações e pesquise em nosso site diretamente de sua barra de ferramentas.

Adicionar ao Chrome