Startup israelense Otto foi comprada pela Uber por US$ 680 milhões

Por Redação | em 23.08.2016 às 00h00 - atualizado em 23.08.2016 às 00h10

Otto

Na última quinta-feira (18), a Uber anunciou a compra da startup de caminhões autônomos Otto, e nesta segunda (22) saiu o valor da aquisição: a israelense foi vendida por nada menos do que 680 milhões de dólares.

Anthony Lewandowski, cofundador da startup (que foi criada há menos de um ano), passará a fazer parte da equipe de profissionais da Uber e, lá, assumirá a função de chefe da divisão de direção autônoma da companhia. E as instalações da Otto em Palo Alto e em São Francisco, nos Estados Unidos, continuarão operando normalmente,  mas compartilhando dados com a unidade de pesquisa da Uber localizada em Pittsburgh.

A Otto não tinha planos de virar uma montadora de caminhões, mas sim vinha trabalhando no desenvolvimento de sistemas autônomos para esses veículos de transporte de cargas. A startup já havia construído seus próprios sensores, incluindo um sensor LiDAR, que é um tipo de radar para sistemas autônomos. Fundada por ex-funcionários do Google, Apple, Tesla, Cruise Automation e outras, ela tinha como objetivo transformar caminhões já existentes em frotas autônomas.

Travis Kalanick, CEO da Uber, disse que, com a aquisição da Otto, a companhia trabalhará em três pontos principais: transporte pessoal, entregas e caminhões. E a Otto, por sua vez, contou que “junto com a Uber, nós criaremos o futuro do transporte comercial: primeiro, caminhões autônomos que fornecerão aos motoristas níveis sem precedentes de segurança; e segundo, uma plataforma que combina os motoristas de caminhão com a quantidade certa de carga onde quer que estejam.”

Fonte: ReadWrite

Assine nosso canal e saiba mais sobre tecnologia!
Leia a Seguir

Comentários

Newsletter Canaltech

Receba nossas notícias por e-mail e fique
por dentro do mundo da tecnologia!

Baixe já nosso app Fechar

Novidade

Extensão Canaltech

Agora você pode ficar por dentro de todas as notícias, vídeos e podcasts produzidos pelo Canaltech.

Receba notificações e pesquise em nosso site diretamente de sua barra de ferramentas.

Adicionar ao Chrome