Twitter quer atrair mais produtores de conteúdo para a plataforma

Por Redação | em 31.08.2016 às 17h40

Twitter

A amizade com os produtores de conteúdo é a mais nova arma do Twitter para conter a estagnação no número de usuários ativos e novas inscrições que se estende desde o ano passado. A empresa liberou nesta quarta-feira (31) o Amplify, sua plataforma de publicidade que vai exibir anúncios antes de vídeos e entregar 70% do faturamento para os próprios criadores.

Antes à disposição apenas de empresas, anunciantes e parceiros comerciais, a opção de monetização agora é aberta a todos. O funcionamento é semelhante ao do YouTube, por exemplo, e ao publicar um vídeo, o produtor de conteúdo pode optar por exibir comerciais antes do início da reprodução pelo usuário, gerando renda que é dividida com o Twitter.

Além do Amplify, o serviço também está liberando a todos os interessados o acesso à plataforma Engage, que traz um banco de dados de imagens, GIFs e outras mídias para utilização nos vídeos a serem hospedados na plataforma, assim, evitando problemas com o uso de conteúdos protegidos por direitos autorais.

Mesmo com a entrega de 70% do faturamento com publicidade para os usuários, a expectativa do Twitter é de aumento no faturamento total desse segmento. Afinal de contas, mais e mais utilizadores poderão se sentir incentivados a criarem conteúdo monetizado para ganhar algum dinheiro, e, com isso, aumentar a visibilidade dos anúncios exibidos, criando mais valor na rede social como uma boa alternativa para os anunciantes.

Além disso, os termos de uso permitem também que os produtores de conteúdo trabalhem não apenas com o próprio sistema, mas também com marcas, negociando campanhas diretamente com elas. Na comparação, pode ser até mesmo uma oportunidade mais lucrativa, uma vez que outros serviços, como Facebook e YouTube, dividem o faturamento meio a meio. Dependendo da quantidade de seguidores, usar o Twitter na campanha acaba sendo uma oportunidade até mais lucrativa para os criadores.

Agora, o foco está no Moments, aba que vem ganhando corpo como uma boa fonte de notícias dentro da própria plataforma e, em breve, deve passar a incluir também publicações de usuários. Aqui, a ideia é bater de frente com Snapchat e Instagram, já que o Twitter acredita ter mais valor e possibilidades do que os rivais para apresentar uma boa mistura de conteúdo gerado por anunciantes e produtores, lado a lado com gente comum.

Fonte: Business Insider

Assine nosso canal e saiba mais sobre tecnologia!
Leia a Seguir

Comentários

Newsletter Canaltech

Receba nossas notícias por e-mail e fique
por dentro do mundo da tecnologia!

Baixe já nosso app Fechar

Novidade

Extensão Canaltech

Agora você pode ficar por dentro de todas as notícias, vídeos e podcasts produzidos pelo Canaltech.

Receba notificações e pesquise em nosso site diretamente de sua barra de ferramentas.

Adicionar ao Chrome