Surface Book 2, da Microsoft, pode chegar no segundo semestre

Por Redação | em 09.05.2016 às 09h09

Microsoft Surface Book

O confronto no mundo dos computadores portáteis deve, mais uma vez, se dar entre Apple e Microsoft no segundo semestre. É para essa direção que apontam os novos rumores sobre lançamentos da empresa de Redmond, que estaria preparando, para o início do segundo semestre deste ano, a chegada do Surface Book 2, equipamento destacável que faz as vezes de tablet e notebook com Windows 10.

De acordo com os boatos, os dispositivos seriam anunciados em junho, com chegada prevista para poucas semanas depois, de forma a colocá-los no mercado antes dos novos lançamentos da Apple. A expectativa é que a Maçã siga seu cronograma usual e também apresente os novos MacBooks Pro durante a WWDC, seu evento para desenvolvedores que acontece no mês que vem.

Além das funcionalidades, a Microsoft estaria investindo em potência e autonomia no Surface Book 2. A companhia estaria trabalhando ao lado da Intel para ser uma das primeiras a utilizar a sétima geração de processadores i5 e i7, com codinome Kaby Lake e fabricados em um processo de 14 nanômetros, conferindo menos gasto energético e maior poder de processamento para os dispositivos. A ideia, inclusive, é que ambos estejam acima da concorrência.

Essa iniciativa também deve dar as caras em outros departamentos. Os rumores apontam para um dispositivo com display capaz de exibir imagens em resolução 4K, além de utilizar entradas USB do tipo C para garantir uma transferência de dados mais veloz, assim como o carregamento da bateria. O Surface Book 2, claro, será destacável, assim como seu antecessor, fazendo as vezes de tablet e notebook, além de contar com uma caneta stylus para aplicações que exigem maior precisão na tela sensível ao toque.

Especificações mais detalhadas ainda não vazaram, tampouco há palpites sobre quanto custará o dispositivo. Ao colocar os novos produtos diante dos da Apple, entretanto, a Microsoft estaria disposta a trabalhar com preços menores que os da concorrência, mas, mais do que isso, gostaria de praticar um valor de lançamento inferior ao do primeiro Surface Book. O aparelho, que chamou a atenção após seu anúncio, chegou às lojas por US$ 1.499, um valor que a empresa de Redmond não estaria disposta a repetir, apesar das vendas terem correspondido às expectativas.

Por enquanto, porém, nada confirmado. A Microsoft deve começar a falar sobre o assunto no mês que vem, mas, até agora, se mantém em silêncio sobre o tema. A existência de um sucessor do Surface Book, apesar de provável, nem mesmo foi confirmada ainda. Resta, então, esperar. Pelo menos, parece que não vamos ter que permanecer aguardando por muito tempo.

Fonte: The Next Trex

Assine nosso canal e saiba mais sobre tecnologia!
Leia a Seguir

Comentários

Newsletter Canaltech

Receba nossas notícias por e-mail e fique
por dentro do mundo da tecnologia!

Baixe já nosso app Fechar

Novidade

Extensão Canaltech

Agora você pode ficar por dentro de todas as notícias, vídeos e podcasts produzidos pelo Canaltech.

Receba notificações e pesquise em nosso site diretamente de sua barra de ferramentas.

Adicionar ao Chrome