Microsoft presenteia garoto que foi preso por criar relógio caseiro

Por Redação | em 21.09.2015 às 15h23

Ahmed Mohamed (HQ)

Ahmed Mohamed, de 14 anos, ganhou notoriedade depois de ter sido detido na semana passada ao mostrar um relógio caseiro, construído por ele próprio, que alguns acharam se tratar de uma bomba caseira. Depois de resolvido o mal-entendido, personalidades importantes da tecnologia tem mostrado apoio o solidariedade ao garoto.

O CEO do Facebook, Mark Zuckerberg, foi um dos que se pronunciaram, convidando toda a turma da nona série a visitar o Facebook. O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, também falou sobre a coragem do garoto e chamou-o para visitar a Casa Branca. "Deveríamos inspirar mais crianças como você a gostar de ciência. É isso que faz a América ser ótima", declarou o presidente.

Dessa vez, no final de semana, Satya Nadella, CEO da Microsoft, foi quem se solidarizou com Mohamed e enviou presentes ao garoto para motivá-lo a continuar sua promissora carreira na área de engenharia e tecnologia.

Ahmed Mohamed

Entre os presentes do kit enviado pela companhia de Redmond, estão um Surface Pro 3, um smartwatch Microsoft Band, uma impressora 3D Cube, uma licença do Office 365, um computador Raspberry Pi 2 e outros acessórios.

Em uma postagem no Twitter, a Microsoft afirmou que está ansiosa para ver o que Mohamed pode criar com a ajuda de todos esses dispositivos.

Via Tech Insider

Assine nosso canal e saiba mais sobre tecnologia!
Leia a Seguir

Comentários

Newsletter Canaltech

Receba nossas notícias por e-mail e fique
por dentro do mundo da tecnologia!

Baixe já nosso app Fechar

Novidade

Extensão Canaltech

Agora você pode ficar por dentro de todas as notícias, vídeos e podcasts produzidos pelo Canaltech.

Receba notificações e pesquise em nosso site diretamente de sua barra de ferramentas.

Adicionar ao Chrome