Microsoft pode ter removido 90 mil apps da Windows Store

Por Redação | em 30.10.2016 às 18h33

Windows Store

Não foi por falta de aviso. No início deste ano, a Microsoft enviou e-mails para todos os desenvolvedores Windows e os avisou que removeria os aplicativos da Windows Store caso eles não os atualizassem para incluir a classificação etária prevista nas novas políticas da companhia. 

Muita gente não deu ouvidos e agora 90 mil aplicativos parecem ter "sumido" da loja de apps de Redmond. E o motivo até você já sabe, não é mesmo? Quem percebeu a degola foi o WindowsBlogItalia, que acompanha semanalmente o número de aplicativos publicados na versão italiana da Windows Store. Segundo o blog, em 26 de setembro havia 329.507 aplicativos na loja; quase um mês depois, em 19 de outubro, esse número caiu para 239.216. 

Gráfico mostra uma derrocada no número de apps disponíveis na versão italiana da Windows Store a partir do dia 26 de setembro

Gráfico mostra uma derrocada no número de apps disponíveis na versão italiana da Windows Store a partir do dia 26 de setembro (Reprodução: WindowsBlogItalia) 

Apesar do número assustador de apps sumidos, o referido site aponta que não é possível especificar quais exatamente foram removidos por não atender às novas determinações da Microsoft. E também vale lembrar que essa degola foi registrada apenas na Itália, logo o número de aplicativos removidos pode ser muito maior a nível global. 

E aí, o que você acha dessa nova política da Microsoft? Acha que ela vai melhorar a Windows Store ou vai prejudicar a loja, que já não conta lá com muitos apps? Deixe sua opinião nos comentários aqui embaixo. 

Via MSPowerUser, WindowsBlogItalia 

Assine nosso canal e saiba mais sobre tecnologia!
Leia a Seguir

Comentários

Newsletter Canaltech

Receba nossas notícias por e-mail e fique
por dentro do mundo da tecnologia!

Baixe já nosso app Fechar

Novidade

Extensão Canaltech

Agora você pode ficar por dentro de todas as notícias, vídeos e podcasts produzidos pelo Canaltech.

Receba notificações e pesquise em nosso site diretamente de sua barra de ferramentas.

Adicionar ao Chrome