Microsoft fecha estúdio Lionhead e cancela Fable Legends

Por Redação | em 08.03.2016 às 10h49

Fable Legends

Para surpresa de todos, a Microsoft anunciou nesta segunda-feira (7) o fechamento do Lionhead Studios e, consequentemente, o cancelamento da produção de Fable Legends. O título, uma sequência de uma das franquias exclusivas da companhia, vinha sendo alardeado como um dos primeiros a chegarem simultaneamente ao Xbox One e PC, além de permitir o modo multiplayer entre usuários de ambas as plataformas.

O Lionhead, entretanto, não é o único estúdio a encerrar suas atividades nesta semana. No que parece ser uma onda de demissões em seu setor de games, a Microsoft também anunciou o fechamento do Press Play Studios, responsável por Max: The Curse of Brotherhood, e da Kalimba, que vinha produzindo o ainda pouco falado Project Knoxville, um game de sobrevivência com foco no multiplayer. As desenvolvedoras atingidas pelas notícias ficam localizadas no Reino Unido e na Dinamarca.

Em comunicado oficial, a empresa afirmou que a decisão não se trata da qualidade dos estúdios nem dos jogos que estavam sendo desenvolvidos por eles. Seria, na realidade, um movimento estratégico que levará investimentos e foco aos games que mais interessam e são relevantes à base de usuários da companhia.

Todos os projetos das produtoras foram interrompidos e por mais que Redmond tenha cancelado o lançamento de Fable Legends, que deveria chegar neste primeiro semestre, ela não comentou sobre o status da franquia. A propriedade, claro, continua em suas mãos, mas não se sabe se ela vai fazer alguma coisa com a marca. Por outro lado, jogadores que investiram em pré-vendas ou gastaram dinheiro com as microtransações durante os testes Beta do título serão reembolsados pela empresa ou devem procurar seus revendedores locais para isso. Os testes do game continuarão no ar como previsto, até o dia 13 de abril.

Apesar de nunca ter atingido o caráter de nomes como Capcom ou Electronic Arts, o Lionhead Studios era um dos grandes expoentes dos títulos de “simulador de deus”, nos quais o usuário controlava a criação de todo um mundo. Seu principal nome era Peter Molyneux, criador da franquia Fable e também de outros grandes títulos clássicos, como Populous. Ele deixou a produtora em 2012 para fundar seu próprio estúdio, o 22Cans, e também vem se envolvendo em polêmicas relacionadas a seu novo game, Godus.

Fonte: Microsoft

Assine nosso canal e saiba mais sobre tecnologia!
Leia a Seguir

Comentários

Newsletter Canaltech

Receba nossas notícias por e-mail e fique
por dentro do mundo da tecnologia!

Baixe já nosso app Fechar

Novidade

Extensão Canaltech

Agora você pode ficar por dentro de todas as notícias, vídeos e podcasts produzidos pelo Canaltech.

Receba notificações e pesquise em nosso site diretamente de sua barra de ferramentas.

Adicionar ao Chrome