Microsoft enfrenta novos processos sobre atualização do Win 10

Por Redação | em 28.07.2016 às 18h15 - atualizado em 28.07.2016 às 18h55

Windows 10

A Microsoft está enfrentando mais dois novos processos sobre as táticas utilizadas para a atualização do Windows 10. A medida que a data para atualização gratuita se aproximou, a empresa é acusada de forçar os usuários a realizarem o upgrade em suas máquinas. Em muitos casos, mesmo recusando o novo sistema, usuários relataram que seus PCs foram atualizados.

O primeiro dos novos processos foi aberto na Corte Distrital dos Estados Unidos, na Flórida. A ação alega que os avisos de atualização do Windows 10 "violam as leis que regem anúncios eletrônicos não solicitados". O processo também afirma que as táticas utilizadas da Microsoft são contra as regras da Comissão de Comércio Federal sobre práticas enganosas e abusivas.

O segundo processo foi aberto em junho, em Israel, e alega que a Microsoft instalou o Windows 10 em computadores sem o consentimento dos usuários. No início deste ano, uma mulher na Califórnia ganhou US$ 10 mil da Microsoft após a justiça determinar que a empresa instalou o Windows 10 sem a autorização da usuária, acarretando danos profissionais.

Em comunicado, a Microsoft afirmou que "acredita que os processos não têm base e que conseguirão ser bem-sucedidos no tribunal". A companhia também salientou que a atualização para o Windows 10 é "uma escolha, não uma exigência" e que fornece suporte adequado para os usuários que enfrentam problemas. Vale ressaltar que a atualização gratuita do Windows 10 a partir do Windows 7 e Windows 8.1 termina nesta sexta-feira (29).

Via The Seattle Times

Assine nosso canal e saiba mais sobre tecnologia!
Leia a Seguir

Comentários

Newsletter Canaltech

Receba nossas notícias por e-mail e fique
por dentro do mundo da tecnologia!

Baixe já nosso app Fechar

Novidade

Extensão Canaltech

Agora você pode ficar por dentro de todas as notícias, vídeos e podcasts produzidos pelo Canaltech.

Receba notificações e pesquise em nosso site diretamente de sua barra de ferramentas.

Adicionar ao Chrome