Hacker que vazou fotos íntimas de celebridades é condenado a 18 meses de prisão

Por Redação | em 28.10.2016 às 11h16

HACKER

Parece que finalmente a justiça será feita como desfecho do caso conhecido como "Celebgate", que envolveu o vazamento de diversas imagens sensuais de mais de 100 celebridades, incluindo Rihanna e Jennifer Lawrence, em 2014.

Isso porque o hacker Ryan Collins, natural de Pensilvânia, foi sentenciado nesta sexta-feira, 28, a 18 meses de prisão pelo vazamento de milhares de fotos íntimas de celebridades e pessoas da indústria do entretenimento no ano em questão. Ele se declarou culpado pelo crime no início do ano para evitar a pena máxima, que seria de 5 anos de reclusão.

Ao contrário do que muito se especulou na época, não foi através de um ataque de força bruta que Collins conseguiu obter acesso às fotos de suas vítimas guardadas na nuvem do Google e no iCloud da Apple. O método usado pelo homem de 36 anos foi um dos mais básicos: phishing. Ele enviou e-mails para centenas de mulheres famosas se passando pela Apple e pelo Google pedindo as informações pessoais como nome de usuário e senha. 

Munido por tais dados, Collins conseguiu acessar as contas e baixar tudo que encontrou. Foram acessadas pelo menos 50 contas do iCloud e 72 do Gmail, que pertenciam a nomes como Jennifer Lawrence, Kristen Ritter e Kate Upton.

Em julho deste ano, outro nome envolvido no caso foi o de Edward Majerczyk, de 29 anos, que também se declarou culpado e também usou o método do phishing para obter as imagens de maneira criminosa. Não se considerou, entretanto, que os dois homens tenham trabalhado juntos no caso “Celebgate”.

Fonte: Adrenaline

Assine nosso canal e saiba mais sobre tecnologia!
Leia a Seguir

Comentários

Newsletter Canaltech

Receba nossas notícias por e-mail e fique
por dentro do mundo da tecnologia!

Baixe já nosso app Fechar

Novidade

Extensão Canaltech

Agora você pode ficar por dentro de todas as notícias, vídeos e podcasts produzidos pelo Canaltech.

Receba notificações e pesquise em nosso site diretamente de sua barra de ferramentas.

Adicionar ao Chrome