Ministério Público gasta R$ 13 milhões em smartphones e planos de telefonia

Por Redação | em 16.02.2016 às 08h38

Smartphones

O pregão aberto que aconteceu em 11 de setembro de 2015 revelou que o Ministério Público Federal (MPF), ao renovar os aparelhos de smartphone e os planos de telefonia dos servidores públicos, acabou gastando R$ 13.669.913,93, quando a previsão inicial era de R$ 2 milhões.

Foram adquiridos 300 iPhones 6 (ou superior); 250 Moto G, Sony Xperia ou Lumia 730; 150 modems USB e 200 chips de telefonia móvel para iPads. Além desses itens, o documento também previa a contratação de serviços compatíveis, incluindo envio e recebimento de chamadas com roaming internacional, mensagens de texto e de imagem, conexão 4G e franquias de 10 GB mensais para os iPhones, modems USB e chips dos iPads, e 2GB para os demais.

A justificativa? Conforme consta no documento, “a adoção de smartphones tem como objetivo o atendimento à crescente demanda por serviços corporativos disponibilizados nos sítios institucionais e também de outros órgãos, tais como correio eletrônico institucional (e-mail), serviço de mensagem instantânea, nuvem de dados corporativa, dentre outros".

Quanto à escolha pelos modelos mais recentes do smartphone da Apple, a explicação seria por conta do sistema dos aparelhos. Uma vez que adquiriram iPads, compartilhar o mesmo sistema operacional entre os diferentes dispositivos facilitaria seu manejo e economizaria custos no caso do uso de aplicativos pagos.

Fonte: Ministério Público Federal

Assine nosso canal e saiba mais sobre tecnologia!
Leia a Seguir

Comentários

Newsletter Canaltech

Receba nossas notícias por e-mail e fique
por dentro do mundo da tecnologia!

Baixe já nosso app Fechar

Novidade

Extensão Canaltech

Agora você pode ficar por dentro de todas as notícias, vídeos e podcasts produzidos pelo Canaltech.

Receba notificações e pesquise em nosso site diretamente de sua barra de ferramentas.

Adicionar ao Chrome