Ministério das Comunicações pode deixar de existir no governo Temer

Por Redação | em 26.04.2016 às 19h53

Michel Temer

Com a possibilidade da presidente Dilma Rousseff ter que deixar seu cargo e dar lugar ao vice-presidente Michel Temer, o político do PMDB tem plantado notícias na mídia, e a mais recente delas é surpreendente. Segundo informações da agência Reuters, no "futuro governo" do vice-presidente, um grande enxugamento será feito nos ministérios, e o das Comunicações seria uma das instituições do governo que simplesmente deixaria de existir.

A decisão seria feita para dar à Anatel plenos poderes em relação à formulação de políticas e regulações do setor de comunicações do país. Rumores também indicam que um super ministério seria criado, abrangendo os de Minas, Energia e Aviação.

Não se sabe o que aconteceria com o setor de radiodifusão, mas existe uma suspeita de que as demais atribuições do Ministério de Comunicações seriam atribuídas ao Palácio do Planalto, como regulação de mídia e publicidade.

Via TeleSíntese

Assine nosso canal e saiba mais sobre tecnologia!
Leia a Seguir

Comentários

Newsletter Canaltech

Receba nossas notícias por e-mail e fique
por dentro do mundo da tecnologia!

Baixe já nosso app Fechar

Novidade

Extensão Canaltech

Agora você pode ficar por dentro de todas as notícias, vídeos e podcasts produzidos pelo Canaltech.

Receba notificações e pesquise em nosso site diretamente de sua barra de ferramentas.

Adicionar ao Chrome