Google irá aumentar conexão Wi-Fi e acesso à banda larga em Cuba

Por Redação | em 21.03.2016 às 10h56

google

Em uma entrevista dada à ABC, o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, confirmou que a Alphabet, dona do Google, irá expandir o acesso à internet em Cuba. A entrevista com o presidente foi realizada durante a sua histórica visita à ilha, que incluiu uma reunião com o presidente cubano Raúl Castro.

"Uma das coisas que nós anunciaremos aqui é que o Google tem um acordo para iniciar a configuração de Wi-Fi e acesso à banda larga na ilha", disse Obama durante a entrevista que foi ao ar nesta segunda-feira (21).

A reaproximação entre os dois países se deu início em dezembro de 2014, quando Obama e Castro concordaram em acabar com o distanciamento que teve início em 1959. Dessa forma, algumas empresas de tecnologia começaram a disponibilizar seus serviços e produtos à Cuba, que se torna um mercado com um grande potencial de crescimento.

Em 2014, o Google ampliou sua atuação na ilha ao disponibilizar a Google Play e o Google Analytics no país. Em 2015, a Netflix também passou a oferecer seus serviços na ilha.

O objetivo do governo norte-americano é que as empresas de tecnologia continuem a aumentar a sua participação no país. Para isso, o governo levou até Cuba uma comitiva que inclui o fundador do Airbnb, Brian Chesky; o executivo-chefe do PayPal, Daniel Schulman, dentre outros.

Fonte: Reuters

Assine nosso canal e saiba mais sobre tecnologia!
Leia a Seguir

Comentários

Newsletter Canaltech

Receba nossas notícias por e-mail e fique
por dentro do mundo da tecnologia!

Baixe já nosso app Fechar

Novidade

Extensão Canaltech

Agora você pode ficar por dentro de todas as notícias, vídeos e podcasts produzidos pelo Canaltech.

Receba notificações e pesquise em nosso site diretamente de sua barra de ferramentas.

Adicionar ao Chrome