Ouça agora os sons que confirmam a chegada de Juno à Júpiter

Por Redação | em 06.07.2016 às 22h01

sonda juno

Como noticiamos aqui no Canaltech ontem (5) pela manhã, Juno entrou na órbita de Júpiter em segurança, obtendo sucesso na missão mais difícil da Nasa até hoje, segundo o responsável por ela. Ainda segundo ele, a situação era tão crítica que eles já tinham preparado um comunicado para o caso da missão falhar. Felizmente não foi o caso, e hoje podemos ouvir os sons da Juno entrando na órbita do maior planeta do sistema solar.

Os sons transmitidos pelo veículo espacial confirmaram que a arriscada manobra de 35 minutos para entrar na órbita do planeta deu certo. Segundo astrônomos da Nasa, os ruídos divulgados foram dos momentos em que a nave cruzava o choque em arco (quando a sonda ultrapassa o limite do gigantesco campo magnético de Júpiter, uma região entre a magnetosfera do planeta e o meio interestelar) e de quando adentrou magnetosfera de Júpiter, campo magnético que o protege dos ventos solares da radiação externa.

O som gravado abaixo é do choque em arco, que durou aproximadamente 2 horas e é impressionante, já que a sonda viaja a cerca de 241.000 km/h:

Esse próximo ruído é o da Juno entrando na magnetosfera de Júpiter:

Apesar da missão ter um prazo de validade, a nave vai orbitar em torno de Júpiter até meados de fevereiro do próximo ano e continuar enviando dados a cada aproximação do planeta. Para isso, usará seus 8 sensores remotos e sua câmera para registrar as diversas camadas do astro, medir sua composição, temperatura, movimento e outras características.

Via: BBC, Sciencealert

Assine nosso canal e saiba mais sobre tecnologia!
Leia a Seguir

Comentários

Newsletter Canaltech

Receba nossas notícias por e-mail e fique
por dentro do mundo da tecnologia!

Baixe já nosso app Fechar

Novidade

Extensão Canaltech

Agora você pode ficar por dentro de todas as notícias, vídeos e podcasts produzidos pelo Canaltech.

Receba notificações e pesquise em nosso site diretamente de sua barra de ferramentas.

Adicionar ao Chrome