Bike2 apresenta conceito de bicicleta elétrica sem correntes

Por Redação | em 09.05.2016 às 22h47

Bike2

A tecnologia empregada na fabricação de bicicletas sofreu poucas alterações significativas até hoje: afinal, o velho conceito catraca-coroa-corrente continua funcionando muito bem nas bikes que vemos nas ruas de vários países. Mas agora, buscando mudar um pouco esse cenário, algumas empresas vêm desenvolvendo novos conceitos de produto e soluções para trazer esse meio de transporte tão importante para o século 21. E é exatamente isso que a empresa Bike2 busca alcançar com seu novo protótipo de magrela do futuro.

A empresa construiu um motor elétrico que dispensa o uso de correntes, em um projeto realmente inovador, Que pode ditar o futuro da fabricação de bicicletas a partir de agora. Batizado de e-drive, este sistema vai permitir que fabricantes de bicicletas possam melhorar seus produtos adaptando o motor elétrico que se recarrega com as pedaladas do ciclista.

Bike

O que a Bike 2 ainda não discutiu é o que acontece quando a bateria do produto se esgota. Como o sistema é todo elétrico e não utiliza correntes, não tem como sair simplesmente pedalando na bike, sem se preocupar com autonomia.

Será que o produto deve ficar parado e ser recarregado manualmente pelos pedais? Será que vai ser necessário carregar baterias reservas? Provavelmente a empresa deve implementar alguma solução para recarregar a bicicleta em tomadas comuns, mas mesmo assim o conceito do projeto merece destaque. E caso funcione, vai acabar com os problemas gerados por defeito nas correntes no futuro.

Via: The Verge

Assine nosso canal e saiba mais sobre tecnologia!
Leia a Seguir

Comentários

Newsletter Canaltech

Receba nossas notícias por e-mail e fique
por dentro do mundo da tecnologia!

Baixe já nosso app Fechar

Novidade

Extensão Canaltech

Agora você pode ficar por dentro de todas as notícias, vídeos e podcasts produzidos pelo Canaltech.

Receba notificações e pesquise em nosso site diretamente de sua barra de ferramentas.

Adicionar ao Chrome