Mulheres são as que mais jogam videogame no Brasil

Por Redação | em 04.04.2017 às 12h29

Videogames

A agência de tecnologia interativa Sioux divulgou nesta quarta-feira (4) a quarta edição da Pesquisa Game Brasil 2017, que revela o comportamento dos brasileiros que jogam videogame. E, mais uma vez, o estudo constatou que as mulheres são maioria nesse mercado: 56,6% dos jogadores no país são do público feminino, um aumento de 1 ponto percentual em relação ao levantamento do ano passado.

Desde a primeira versão da pesquisa, as mulheres aumentaram sua participação no cenário brasileiro de jogos e se consolidaram como a fatia dominante em 2016 (52,6% delas contra 47,4% deles) e agora neste ano. Os gêneros preferidos das jogadoras são Estratégia (48,9%), Aventura (38,9%) e Cartas (36,1%).

Mesmo sendo o público mais frequente, as mulheres afirmaram que os games não são sua primeira opção de entretenimento; à frente estão Cinema, sair com os amigos e acessar redes sociais. Além disso, a maior parcela das mulheres (85%) costuma jogar em dispositivos móveis, enquanto o console favorito delas é o Xbox 360 (37%), e quase seis em cada dez (59%) se classificam como jogadoras casuais.

Em média, os gamers brasileiros têm entre 25 a 34 anos (36,2%), 35 a 54 anos (31,4%) e 16 a 24 anos (28,4%). As características que os usuários mais procuram num jogo é que ele tenha diversas fases para passar de nível (57,8%). Já a qualidade gráfica dos títulos ficou na sexta posição da categoria, com apenas 32,3% da preferência.

Mobile

A plataforma mais usada para jogar ainda é o mobile, com 77,9%, seguido pelo computador (66,4%), consoles de mesa (49%), Smart TVs (14,3%) e consoles portáteis (13,8%). Os tablets e smartphones também são os aparelhos preferidos dos jogadores (37,6%), seguido pelos consoles (28,8%) e computador (26,4%).

O sistema operacional mais usado nesses gadgets é o Android, que cresceu de 77% em 2015 para 83,4% este ano; o iOS, por sua vez, tem 12,3% de participação do mercado, e o Windows Phone apenas 4,2%. Os aparelhos da Samsung são maioria, com 37%. Aqui, vale destacar que a Apple perdeu quase 10% de usuários em dois anos (de 33,6% em 2015 para 23,7% em 2017). Outra companhia que caiu no ranking foi a Nokia: de 11,1% há dois anos para 2,8%.

Quase todos os entrevistados (94,2%) também disseram que usam seus celulares para baixar apps, dos quais 76,1% são aplicativos de jogos. A maioria (71,3%) opta por games gratuitos, e 46,6% preferem não pagar por um app com medo de não gostar do título.

Consoles

Mesmo com a atual geração no mercado desde 2013, os videogames da geração passada ainda são os mais usados no Brasil. O Xbox 360, da Microsoft, aparece no topo da lista com 44,2%, seguido pelo PlayStation 3, da Sony, com 29,2%. Um dado curioso é que aparelhos mais antigos, como o PlayStation 2 e o Nintendo Wii, ainda figuram no levantamento, com 26,5% e 5,8% de participação, respectivamente.

Em contrapartida, o videogame mais querido pelos brasileiros é o PlayStation 4, com 30,7% da preferência. Em segundo lugar está o Xbox 360 (28,6%), e em terceiro o PS3 (17,5%). A Sony também é dona da marca favorita dos gamers nacionais: 59% declararam optar pelo PlayStation, enquanto que 36% preferem o Xbox. A Nintendo teve apenas 5% de preferência.

Computador

No PC, 41,9% dos jogadores afirmam usar máquinas com sistema operacional Windows 10. Na sequência aparece o Windows 7 (33,8%), Windows 8 (14,6%) e Windows XP (5,5%). A plataforma da Apple tem apenas 1,6% de participação. Além disso, mais da metade (63,7%) dos usuários têm o hábito de jogar em um notebook, contra 45% no desktop tradicional.

A Pesquisa Game Brasil 2017 entrevistou 2.947 pessoas de 26 estados e do Distrito Federal entre os dias 1 e 16 de fevereiro de 2016. O relatório completo pode ser acessado neste link.

Fonte: Pesquisa Game Brasil 2017

Assine nosso canal e saiba mais sobre tecnologia!
Leia a Seguir

Comentários

Newsletter Canaltech

Receba nossas notícias por e-mail e fique
por dentro do mundo da tecnologia!

Baixe já nosso app Fechar

Novidade

Extensão Canaltech

Agora você pode ficar por dentro de todas as notícias, vídeos e podcasts produzidos pelo Canaltech.

Receba notificações e pesquise em nosso site diretamente de sua barra de ferramentas.

Adicionar ao Chrome