Snapchat Spectacles [Análise]

Por Adriano Ponte RSS | em 25.01.2017 às 16h35

Você ama o Snapchat? Se a resposta é sim, você deveria usar óculos. Confira agora o [Review] dos Spectacles, os óculos criados para quem usa o Snapchat ficar ainda mais viciado na plataforma.

SNAPCHAT DE SOL

Numa primeira olhada podem parecer apenas óculos de sol chamativos, mas temos em mãos uma peça mais tecnológica do que isso. Antes de mais nada, vale frisar: quando dissemos "óculos de sol" é SÉRIO. Eles possuem tratamento escuro, e usar estes óculos em ambientes internos ESCURECE MESMO sua visão, portanto vamos tratá-los apenas para o uso lógico a que se propõe: ambientes externos.

Dito isso, vamos lá. Observando o modelo, fica evidente que existem dois "buracos" na sua frente, destoando de tudo. Eles são os locais da câmera e do indicador LED dos Spectacles.

Mas qual a lógica de um chamativo indicador LED para saberem que você está gravando? Bom, talvez essa frase já tenha respondido tudo. A resposta mais provável é a bagunça que o Google Glass causou no passado, inclusive despertando regulamentações específicas sobre o uso de sua câmera "furtiva". Dessa forma, fica fácil entender o porquê dessa indicação berrante de que você está gravando o ambiente ou mesmo as pessoas de um local.

O pareamento dos Spectacles é sensacional de tão fácil. Para começar, deixe o Bluetooth do seu celular ligado. Depois disso, basta exibir seu Snapcode pelo Snapchat e olhar para ele usando os Spectacles - dê um toque no botão dos óculos e pronto, o pareamento ocorrerá de forma automática.

Como o procedimento é apenas isso, fica evidente que uma das propostas dos Spectacles já começa completada com sucesso: o compartilhamento dos óculos com amigos. Para que um colega seu use os óculos, basta que a mesma coisa ocorra: ele deve olhar para o Snapcode dele já usando os Spectacles, e daí acionar o botão. Pronto, os óculos passam a funcionar com aquela conta de Snapchat.

No processo de troca os usuários NÃO TEM acesso às capturas realizadas pelo outro (e vice versa), demonstrando que esse pareamento facilitado é muito bem planejado.

Um óculos de sol para fazer vídeos, mais especificamente gravados em HD, com 115º de amplitude. No site oficial dos Spectacles ou mesmo na embalagem do produto não existem dados precisos sobre essa câmera, o que é uma pena. As imagens são mais amplas que as feitas por um celular, mas não chegam perto do efeito "GoPRO" que câmeras mais abertas costumam ter.

A qualidade é boa, suficiente para a qualidade "Snapchat" que estamos acostumados. A proposta de serem óculos de "SOL" ajudam, afinal o uso mais provável será em ambientes bem iluminados (onde até uma batata consegue fazer imagens de boa qualidade). Novamente, classificamos essa câmera como "qualidade Snapchat", mantendo uma taxa de frames adequada para bons vídeos da plataforma, mas com nada impressionante ou em destaque.

A captura de áudio favorece quem está usando os óculos, sendo "não muito indicada" para sons ambientes ou pessoas ligeiramente mais afastadas. E tudo isso é projetado para trazer essas imagens para o Snapchat, algo bem específico.

Como os vídeos capturados são circulares, é possível rodar o smartphone livremente durante a reprodução dos vídeos pelo próprio Snapchat, permitindo que a visualização na vertical ou horizontal ocorra o tempo todo. Assistir vídeo com o celular a 45º também é opção - como é circular, a experiência sempre é em tela cheia e funcional.

Para fazer as capturas é fácil. Basta apertar UMA VEZ o botão de disparo no lado esquerdo dos Spectacles, e o óculos fará a gravação de um "Snap" de dez segundos padrão.

Mas existe um truque legal aqui: se o botão de disparo for apertado DUAS VEZES, dois "Snaps" de 10s serão capturados automaticamente (e de forma contínua), criando uma captura de vinte segundos sem tocar nos óculos. Para "Snaps" de mãos livres, é uma idéia e tanto. O limite é apertar TRÊS VEZES o botão de captura dos Spectacles, iniciando assim uma sequência de 30s de captura (quebrada automaticamente em 3 "Snaps" de 10s cada).

Caso o usuário queira cancelar qualquer uma dessas capturas, basta segurar o botão de disparo. Durante qualquer uma das ações citadas aqui, é visível um LED interno na lente esquerda dos óculos, informando você de que a captura ou comando foi corretamente iniciada, concluída ou cancelada.

Quem prestou atenção até agora pegou essa no ar: não falamos sobre fotografias em momento algum. Os Spectacles não foram desenhados para capturas tradicionais de fotos, apenas vídeos. Pode parecer óbvio que deveria haver um modo de captura sequencial, manual ou automática de fotos, porém não.

Se você esperava deixar um intervalo fixado para guardar fotos com os Spectacles, se enganou - esse tipo de função aplicável a óculos com câmeras é mais plausível nos modelos chineses do que nesse.

O processo de descarga dos vídeos produzidos pelos Spectacles ocorre via Bluetooth combinando automaticamente a conexão com Wi-Fi direct. A experiência dessa sincronia é traumática no Android - o Snapchat nunca foi um bom exemplo de otimização na plataforma, sendo evidente o desenvolvimento do APP para iPhones acima de tudo; como o Snapchat é a única forma de controlar e extrair os dados criados pelos Spectacles, você fica sem saída.

A sincronia pausa e retoma-se aleatoriamente, além de escolher por conta própria se continua ou não em plano de fundo. É uma grande bagunça, e o que resta é deixar o APP do Snapchat aberto para garantir que o processo ocorra, assim como no iPhone.

O resultado dessa sincronia toda é o mesmo nos Androids e iPhones: o consumo de bateria DISPARA, e caso você vá usar os Spectacles de forma ativa, vale a pena ter um power bank para o celular destinado a receber as mídias que os óculos produzirem.

Lidar com as mídias transferidas é uma porcaria. O Snapchat espera que você consulte os "snaps" capturados e envie para seus amigos ou para "sua história" quase que manualmente (isso, um por um) todo o material - mandar tudo de uma só vez para "sua história" como muitos usuários provavelmente farão... é um processo falho.

Cria-se para cada dia um novo amontoado de mídia para você passar, ao invés de uma "caixa de entrada" de "Snaps" sincronizados pelos óculos. Você se verá rodando por seus dias de capturas para encontrar uma gravação em específico.

Para quem busca usar os óculos com intenções de exportar as capturas para o rolo da câmera e salvar fora do Snapchat as produções, fica um balde de água fria novamente. Essa opção não existe de forma direta.

Há a opção de compartilhar os vídeos para fora do programa, porém ela não é automática ou facilitada (é sua tarefa escolher e exportar cada item que deseja). Uma opção possível para agilizar tudo é tocar no "bolo" de "Snaps" realizados num determinado dia e optar pelo "Salvar na galeria", ação que criará um punhado de vídeos de 10s no meio das suas fotos tiradas pelo celular. É uma opção mediana em termos de exportação, mas está aí.

Como boa parte dos óculos de sol, os Spectacles não foram pensados em quem utiliza uma lente de grau combinada com óculos tradicionais - ou seja, não é possível utilizar os Spectacles por cima de um óculos receitado por um oftalmologista que você já tenha que usar.

O bom senso diz que não podemos julgar óculos de sol dessa forma, esperando que eles magicamente comportem um SEGUNDO óculos por baixo. Essa lógica se aplica para óticas, onde você OPTA por uma lente comum ou com grau; a partir do momento onde falamos de um acessório universal imutável, devemos levar em conta que ele atenda o público e suas necessidades, portanto o Spectacles falha em não ser grande o bastante ou largo o bastante para dar uma chance a quem precisa em tempo integral usar óculos. Ter seu componente principal desmontável também seria algo válido para esses casos. E nem venham falar que ele ficaria chamativo, pois ele JÁ É RIDICULAMENTE chamativo. Ser um pouco mais e dar acessibilidade aos usuários seria o esperado.

Algo tem que mover este óculos-maravilha e sua câmera, e para isso temos uma bateria interna com capacidade para aprox. 100 snaps. Pode parecer bastante, mas vale lembrar que o uso contínuo é algo poderoso nesse óculos, e esse número pode ser atingido mais fácil do que você possa imaginar.

Esse número também é questionável se você levar em conta o longo processo de sincronismo entre o óculos e o smartphone, principalmente com possíveis "enroscos" no processo.

Ao esgotar a energia dos Spectacles, você pode conectar o cabo magnético incluso para reabastecê-lo, ou simplesmente guardar os óculos de volta em seu case por aprox. 30 minutos para que eles recarreguem. Essa caixa de recarga guarda aprox. 4 cargas adicionais para os Spectacles, e para recarregar a case basta utilizar o mesmo cabo magnético que pode carregar os Spectacles diretamente.

Fica aqui nossa nota de engenhosidade para o case magnético dos Spectacles, capaz de fixar/proteger/recarregar os óculos de forma inquestionável.

VALE A PENA?

Antes de pensar em preço, vale deixar evidente a dificuldade que é adquirir um Spectacles. Estes óculos estão a venda apenas no exterior, e mesmo lá é uma dificuldade absurda conseguir um desses. As vendas OFICIAIS ocorrem por meio de eventos itinerantes ou fazendo uso de longas filas de espera na loja oficial do produto. Nem é preciso dizer que muitos dos sortudos que conseguem um desses aproveitam para revender os Spectacles por preços 4 ou 5 vezes maiores que o original. Agora, visto que você tenha vencido todo esse esforço e desafio no exterior, o preço adicional para sua jornada será de $130.

O único problema é que isso tudo é um trabalho apenas para o Snapchat. Não existe versatilidade nenhuma num produto que é tão bem pensado. Sinceramente, todo esse trabalho e custo para terminar com um acessório que serve APENAS E EXCLUSIVAMENTE PARA SNAPS... é o motivo pelo qual classificamos eles como brinquedo, aqui no Canaltech. Nada mais.

Assine nosso canal e saiba mais sobre tecnologia!
Leia a Seguir

Comentários

Newsletter Canaltech

Receba nossas notícias por e-mail e fique
por dentro do mundo da tecnologia!

Baixe já nosso app Fechar

Novidade

Extensão Canaltech

Agora você pode ficar por dentro de todas as notícias, vídeos e podcasts produzidos pelo Canaltech.

Receba notificações e pesquise em nosso site diretamente de sua barra de ferramentas.

Adicionar ao Chrome