Em SP, motoristas do Uber enganam sistema com localização falsa no aplicativo

Por Rafael Romer RSS | em 23.05.2016 às 14h57 - atualizado em 23.05.2016 às 22h32

Uber

Motoristas do Uber podem estar utilizando aplicativos terceiros para enganar o GPS do serviço de caronas pagas e conseguirem pegar corridas longe da área onde estão, indicou ao Canaltech um leitor que passou por uma experiência assim na semana passada, em São Paulo.

De acordo com o relato de I.L, que preferiu não se identificar, ao pedir por um UberX na área de desembarque do Terminal 3 do Aeroporto Internacional de Guarulhos, na última quarta-feira (18), o leitor notou que o motorista que atendeu o chamado aparentava estar próximo ao aeroporto, mas não se movimentava até o ponto em que estava aguardando.

Após alguns minutos nessa situação, I.L conta que recebeu uma ligação do motorista, que perguntou em qual terminal ele estava aguardando, alegando que o local de espera não estava aparecendo no mapa e que "o sistema do Uber é que estava com problemas, mas que ele já estava na metade do caminho".

Durante a corrida, o próprio motorista comentou com o passageiro que havia ouvido falar sobre o aplicativo "Fake GPS", que permite modificar a localização do GPS do smartphone, o que também mudaria a posição do carro dentro do Uber — ainda que não tenha confirmado que estava usando o app naquele momento.

"Provavelmente foi o que ele usou, ele colocou no GPS que estava perto do aeroporto para poder pegar a corrida de lá, talvez para não perder tempo e ficar esperando, só que estava em algum outro lugar", contou ao Canaltech. "E aí o passageiro se ferra, isso me atrasou uns quinze minutos porque ele estava longe, mas o sistema do Uber entendeu que ele estava perto e colocou ele para fazer a corrida."

O uso desse tipo de ferramenta para mudar a localização em aplicativos como Uber não parece ser uma novidade entre os motoristas do serviço. Em uma busca na Internet, é possível encontrar discussões sobre o tema em fóruns como o UberPeople — uma "comunidade independente" de motorista de apps de carona como Uber e Lyft.

Na página, usuários afirmam que já utilizaram a técnica para conseguir corridas em locais longe de onde estão. Alguns sugerem, inclusive, que a técnica é ideal para lugares como aeroportos, já que não é mais necessário estar próximo ou ficar estacionado perto do local para aguardar uma chamada de alguém que está desembarcando.

"É só ligar o aplicativo, marcar sua localização, desligar o app e ligar o Uber", escreveu o usuário bensalias, em uma postagem de agosto de 2015. "A localização fictícia fica no cache, ou algo do tipo. Funciona, tente você. Está funcionando em São Francisco e Sunnyvale, na Califórnia nos últimos quatro dias".

Volta ao mundo em alguns cliques

O Canaltech entrou em contato com motoristas do serviço, que indicam que o Fake GPS é conhecido por alguns motoristas da região do aeroporto, mas que o app já teria sido descoberto e desativado pela Uber.

"Existia uma fila virtual em Guarulhos, eles burlavam essa fila com o aplicativo", informou ao Canaltech um motorista que já dirige com o Uber há mais de um ano em São Paulo, mas preferiu não se identificar por medo de ser desativado do serviço. "Foi mais ou menos em março que a Uber descobriu e os motoristas foram desativados".

Usando o aplicativo na versão para passageiros do Uber, ainda é possível modificar a sua localização no GPS sem muito esforço, como observamos testando o app em um celular Android. Basta abrir o Fake GPS, liberar a função de "lugar fictício" do sistema operacional, e selecionar o ponto em que deseja estar.

Ao abrir o Uber, automaticamente o aplicativo interpretará que o passageiro está no ponto escolhido através do Fake GPS — atualizando, inclusive, a interface do serviço para acomodar as opções que existem no local selecionado e não estão disponíveis no Brasil. Nas imagens abaixo, saltamos de Paris para Londres e para Seattle, nos Estados Unidos, em alguns minutos com a ajuda do Fake GPS.

Uber Fake GPS Uber Fake GPS

Uber Fake GPS Uber Fake GPS

Uber Fake GPS Uber Fake GPS

O Canaltech entrou em contato com o Uber para pedir esclarecimentos sobre o suposto uso de apps terceiros para alterar o posicionamento dos motoristas, mas a empresa não comentou o caso indicado pelo leitor do site e também não confirmou se algo já foi feito para coibir a prática.

"A Uber está sempre preocupada em oferecer a melhor experiência para os usuários e motoristas parceiros(as). Por isso, monitoramos muito de perto o funcionamento da plataforma e desativamos usuários que infrinjam os termos de uso", informou a companhia por meio do posicionamento enviado.

Assine nosso canal e saiba mais sobre tecnologia!
Leia a Seguir

Comentários

Newsletter Canaltech

Receba nossas notícias por e-mail e fique
por dentro do mundo da tecnologia!

Baixe já nosso app Fechar

Novidade

Extensão Canaltech

Agora você pode ficar por dentro de todas as notícias, vídeos e podcasts produzidos pelo Canaltech.

Receba notificações e pesquise em nosso site diretamente de sua barra de ferramentas.

Adicionar ao Chrome