Apple está sendo processada por acidente de carro fatal envolvendo FaceTime

Por Redação | em 03.01.2017 às 14h50 - atualizado em 03.01.2017 às 15h04

FaceTime

A Apple enfrenta diversos processos judiciais atualmente, entre eles casos envolvendo explosões de iPhones e as famigeradas disputas de patentes. Agora, a empresa de Cupertino está sendo processada por um acidente de carro fatal em que o condutor estava distraído com o FaceTime.

O caso foi apresentado em um tribunal da Califórnia no início de dezembro do ano passado e faz referência a um acidente que aconteceu no Texas, na véspera de Natal de 2014. Dentro de um dos carros envolvidos estavam um casal e seus dois filhos e, enquanto a maior parte da família teve ferimentos graves, uma das crianças, com apenas cinco anos de idade, morreu no hospital.

O acidente aconteceu quando James Modisette, o pai da família citada, reduziu a velocidade do veículo devido a um congestionamento e um motorista de 20 anos bateu na sua traseira, ferindo os passageiros. O jovem que estava ao volante do carro que causou a batida disse à polícia que estava usando o FaceTime no seu iPhone 6 Plus no momento do acidente.

A família Modisette alega que a Apple poderia ter implementado uma tecnologia capaz de evitar o acidente, mas não o fez. Os arquivos do tribunal indicam que, em 2014, a empresa conseguiu a liberação da patente de uma tecnologia que iria "bloquear a capacidade dos motoristas de usar o aplicativo FaceTime no iPhone enquanto estiver usando um veículo motorizado".

A alegação é de que o fato da Apple optar por não implementar o recurso da patente contribuiu para a morte do filho de Modisette e as lesões do resto da família. Além disso, os advogados das vítima também disseram que "o custo de alterar o projeto seria mínimo" para a Apple e que "não há inconvenientes concebíveis para a implementação da tecnologia".

O processo exige que a Apple finalmente adote a tecnologia de bloqueio do FaceTime para motoristas no iPhone, além do pagamento de indenizações, despesas médicas e outras remunerações que o tribunal considere adequadas para as vítimas.

Via Apple Insider

Assine nosso canal e saiba mais sobre tecnologia!
Leia a Seguir

Comentários

Newsletter Canaltech

Receba nossas notícias por e-mail e fique
por dentro do mundo da tecnologia!

Baixe já nosso app Fechar

Novidade

Extensão Canaltech

Agora você pode ficar por dentro de todas as notícias, vídeos e podcasts produzidos pelo Canaltech.

Receba notificações e pesquise em nosso site diretamente de sua barra de ferramentas.

Adicionar ao Chrome