Apple contrata pesquisadores que expuseram falha no Mac

Por Redação | em 04.02.2016 às 08h16

MacBook 2015 12'

Dois pesquisadores divulgaram em agosto do ano passado uma técnica chamada Thunderstrike 2, que permitia infectar Macs sem a necessidade de acessar a internet. Por meio de um simples link, um worm poderia modificar o firmware do computador, o que significa que mesmo reinstalando o OS o problema ainda persistiria.

Meses depois da descoberta, a Apple demonstrou que estava atenta ao Thunderstrike 2 e resolveu contratar ambos os pesquisadores. De acordo com informações, a contratação foi feita a partir da compra da LegbaCore, empresa que os pesquisadores Xeno Kovah e Trammel Hudson comandavam.

Ao que parece, o acordo foi realizado dois meses depois que os pesquisadores divulgaram a descoberta. Os valores da aquisição não foram revelados, mas é sabido que Kovah e Hudson irão trabalhar na área de segurança de baixo nível da Apple.

Certamente, os pesquisadores deverão solucionar o problema que eles mesmos expuseram por meio do Thunderstrike 2.

Fonte: Engadget

Assine nosso canal e saiba mais sobre tecnologia!
Leia a Seguir

Comentários

Newsletter Canaltech

Receba nossas notícias por e-mail e fique
por dentro do mundo da tecnologia!

Baixe já nosso app Fechar

Novidade

Extensão Canaltech

Agora você pode ficar por dentro de todas as notícias, vídeos e podcasts produzidos pelo Canaltech.

Receba notificações e pesquise em nosso site diretamente de sua barra de ferramentas.

Adicionar ao Chrome