Google I/O: anunciadas as principais novidades do Android N

Por Douglas Ciriaco RSS | em 18.05.2016 às 15h49 - atualizado em 18.05.2016 às 21h11

Android N

Uma das novidades mais aguardadas desta quarta-feira (18) na conferência Google I/O era o novo Android N. A próxima versão do sistema mobile do Google ainda não teve seu nome oficial escolhido, mas o vice-presidente de engenharia da gigante da web, Dave Burke, apresentou algumas das principais novidades que vêm por aí.

Segundo Burke, a construção do novo Android se baseia em três grandes pilares: mais desempenho, mais segurança e mais produtividade. O conjunto de novidades vai oferecer um sistema mais ágil, com o desempenho melhorando em até 600% em relação ao Marshmallow segundo alguns testes de benchmark e com um novo esquema de compilação que oferece instalações até 75% mais ágeis.

Além disso, a segurança foi incrementada, com criptografia a nível de arquivo, fortalecimento do framework de mídia e também atualizações automáticas realizadas totalmente em segundo plano, sem demandar qualquer interferência do usuário. Do ponto de vista de produtividade, o Android N terá o sistema multitarefa melhora e finalmente ganha a função de multijanela para TVs, tablets e smartphones.

Mais desempenho: gráficos e tempo de execução

O núcleo de desempenho do Android N foi dividido em duas áreas básicas: gráficos e tempo de execução. Em relação aos gráficos, a grande novidade é a tecnologia Vulkan, que permite a reprodução de gráficos avançados de maneira muito mais fiel e suave na tela de um dispositivo Android.

“Nos lançamentos recentes do Android, nós estendemos os padrões de OpenGL para levar para o mobile capacidades gráficas avançadas normalmente encontradas em desktops e consoles”, explicou Burke. “Com o N, damos o nosso maior passo adiante com a introdução da Vulkan.” A Vulkan é uma API 3D moderna que permite aos desenvolvedores ter o controle direto da unidade de processamento gráfico de um gadget, podendo assim extrair o máximo do dispositivo na hora de criar jogos com performance e gráficos aprimorados.

Google I/O Android NAndroid N trará desempenho aprimorado. (Foto: Reprodução/Google)

Em relação ao tempo de execução, a grande novidade do Android N está nas alterações realizadas no compilador de arquivos JIT. Com isso, ele alcança velocidades de desempenho até 600% maiores do que no Android Marshmallow (dependendo do teste de benchmark aplicado). Tais novidades consomem menos bateria e garantem tempo de instalação de aplicativos até 75% menor e apps ocupando até 50% menos espaço em comparação com o Android 6.x.

Outra novidade é que o Google vai implementar na próxima versão do Android uma versão aprimorada do sistema Doze on the Go — introduzido no Marshmallow — garantindo ainda mais economia de bateria mesmo que o seu aparelho esteja em movimento, este sistema funcionava melhor quando o gadget estava completamente parado.

Mais segurança: criptografia e atualização

A segurança é um dos pontos cruciais de qualquer sistema operacional da atualidade e o Google sabe disso. Neste sentido, a companhia implementou três grandes novidades que vão aprimorar as defesas do Android N: criptografia a nível de arquivo, fortalecimento do framework de mídia e atualizações automáticas em segundo plano.

Google I/O Android NSegurança é um dos pilares do novo Android. (Foto: Reprodução/Google)

A mudança da criptografia permite ao Google proteger melhor e de forma individual cada usuário do Android. O fortalecimento do framework de vídeo vem para deixar menos espaço para exploits quando arquivos multimídia externos são carregados no sistema. Por fim, as atualizações automáticas e em segundo plano garante a utilização das versões mais recentes dos gadgets sem demandar qualquer interferência manual. Além disso, a tela “O Android está otimizando 1 de 200 apps”, que aparecia de vez em quando ao reinicializar o aparelho, foi finalmente abandonada.

Mais produtividade: tela dividida, multitarefa e notificações

Este é, talvez, o núcleo de desenvolvimento do Android com mais apelo junto ao público, afinal as mudanças aqui são as mais notáveis a olho nu. Uma das principais novidades anunciadas pelo vice-presidente de engenharia do Google foi o suporte para múltiplas janelas. No Android N, bastará manter pressionado o botão de multitarefa para que a tela seja dividida ao meio — isso funciona no tablet e no smartphone. No Android TV, o sistema multijanela é ainda mais avançado, mantendo sempre uma janela em miniatura enquanto você navega em outros conteúdos.

Outra novidade de peso é a introdução de novos recursos no sistema multitarefa do Android. Na próxima versão do sistema, aquela seção em que aparecem os apps abertos vai mostrar apenas as últimas sete janelas acessadas e finalmente será possível eliminar todas elas pressionando um único botão. Além disso, o Android vai ganhar a função Quick Switch, então basta dar dois toques rápidos sobre o botão multitarefa para retornar ao último app aberto.

Google I/O Android NProdutividade é outro ponto importante do novo Android. (Foto: Reprodução/Google)

As notificações também ganharam retoques importantes, oferendo mais controle para o usuário. A partir de agora, sempre que o utilizador mantiver pressionada uma notificação do sistema, será exibido um menu por meio do qual é possível desativar todas as notificações do sistema. Além disso, também será possível responder mensagens de texto diretamente deste painel, sem precisar abrir um app.

Emojis

Antes de deixar o palco, Burke anunciou ainda a presença de 72 novos emojis no Android, entre eles aqueles que ampliam o debate sobre a representatividade feminina. Com isso, o sistema do Google contará com versões femininas de emojis de profissões. Tudo isso se junta às mais de 200 grandes alterações aplicadas no Android N, que terá o seu nome escolhido pelos próprios usuários.

Google I/O Android NAndroid N terá mais representatividade nos emojis. (Foto: Reprodução/Google)

Versão de testes

Para ir esquentando os motores, o Google anunciou que interessados já podem baixar a versão beta e candidata a lançamento (RC) do novo Android. Para isso, basta acessar android.com/beta, fazer login e baixar os arquivos de instalação — vale lembrar que apenas os aparelhos Xperia Z3, Nexus 6, Nexus 9, Nexus 5X, Nexus 6P, Nexus Player, Pixel C e Android One têm suporte para a versão de testes do sistema.

Atualização: Segundo a assessoria da empresa, a versão final do N deve chegar em algum momento entre junho e setembro deste ano.

Assine nosso canal e saiba mais sobre tecnologia!
Leia a Seguir

Comentários

Newsletter Canaltech

Receba nossas notícias por e-mail e fique
por dentro do mundo da tecnologia!

Baixe já nosso app Fechar

Novidade

Extensão Canaltech

Agora você pode ficar por dentro de todas as notícias, vídeos e podcasts produzidos pelo Canaltech.

Receba notificações e pesquise em nosso site diretamente de sua barra de ferramentas.

Adicionar ao Chrome