Número de reclamações contra operadoras caiu 16,1% em um ano, diz Anatel

Por Redação | em 18.04.2017 às 14h11

Telefone

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) informou nesta terça-feira (18) que, em um ano, caiu em 16,1% o volume de reclamações de consumidores a empresas prestadoras de serviços de telefonia, banda larga e TV por assinatura.

De acordo com a entidade, foram totalizadas 323,4 mil reclamações contra essas companhias, das quais 153,1 mil (-8%) queixas correspondem ao setor de telefonia móvel, 74,2 mil (-27,5%) na telefonia fixa, 49,0 mil (-20%) na banda larga fixa e 45,4 mil (-16,2%) na TV a cabo.

Entre as prestadoras móveis, apenas a TIM apresentou aumento no número de queixas: foram 48,7 mil em março de 2017, alta de 13,8% em comparação com o mesmo período do ano passado. As demais registraram queda, como a Nextel, com 10,1 mil (-22,2%), Oi com 20,9 mil (-17,2%), Claro com 34,3 mil (-14,8%) e Vivo com 38,7 mil (-13,6%). Já na telefonia fixa, todas as operadoras registraram uma redução no período; a Oi teve a queda mais acentuada com 35,9% a menos do que no ano anterior (40,7 mil reclamações), seguida pela Vivo com -16,8% (22,4 mil) e NET/Claro com -12,1% (9,4 mil).

Na TV por assinatura, só a Vivo registrou aumento (10,2%) nas reclamações, com 3,1 mil de notificações à Anatel. As outras companhias reduziram o número, incluindo Sky com 17,3 mil de reclamações (-22,6%), NET/Claro com 19,7 mil (-12,0%) e Oi com 4,8 mil (-18,8%). Além disso, entre os dias 29 e 31 de março foram contabilizadas cerca de mil reclamações de clientes que perderam o sinal das emissoras de TV aberta SBT, Record e Rede TV! após estas decidirem descontinuar a transmissão de seus sinais digitais às operadoras.

Por fim, na banda larga fixa, apenas a NET teve crescimento na quantidade de queixas, com 7,4 mil (aumento de 0,5%). A Oi teve 22,3 mil reclamações (-35,5%) e a Vivo 14,6 mil (-5,7%).

No primeiro trimestre deste ano, em comparação com o mesmo período do ano passado, os canais de atendimento da agência registraram uma redução de 15,2% nas reclamações dos serviços de telecomunicações. De janeiro a março de 2017 foram anotadas 933,1 mil queixas contra 1.100,3 mil do primeiro trimestre de 2016. Todos os estados brasileiros e o Distrito Federal apresentaram redução nas reclamações nos primeiros três meses deste ano em comparação com o mesmo período do ano passado.

Fonte: Teletime

Assine nosso canal e saiba mais sobre tecnologia!
Leia a Seguir

Comentários

Newsletter Canaltech

Receba nossas notícias por e-mail e fique
por dentro do mundo da tecnologia!

Baixe já nosso app Fechar

Novidade

Extensão Canaltech

Agora você pode ficar por dentro de todas as notícias, vídeos e podcasts produzidos pelo Canaltech.

Receba notificações e pesquise em nosso site diretamente de sua barra de ferramentas.

Adicionar ao Chrome