PlayStation 4 Pro [Análise/Review]

Por Leandro Souza RSS | em 07.02.2017 às 18h00

Resolução 4K é a palavra do momento quando se fala da melhor qualidade de imagem possível. Não demorou muito para que os games também entrassem nesta onda. Entretanto, por um bom tempo somente os PCs foram a opção para quem buscava a maior resolução, mas isso é sinônimo de um alto custo. Nos consoles, a Sony foi a primeira a aproveitar a oportunidade, colocando no mercado o Playstation 4 Pro, prometendo mais desempenho e qualidade de imagem quando comparado ao PS4 normal. Mas será que vale a pena o upgrade? Isso é que o vamos responder nessa análise completa.

APRESENTAÇÃO

Logo de cara, já é possível ver que o PS4 Pro é um console imponente. Ele tem um design semelhante à versão slim do Playstation 4, mas com dimensões maiores. São 29,5 centímetros de largura, por 5,5 cm de altura e 32,7 centímetros de comprimento, assim como um peso de 3 quilos e 300 gramas. Ele é bem maior que o PS4 normal, inclusive, o que exigirá um espaço extra em sua estante. Não um console dos mais bonitos, parecendo um sanduichão esquisito. Pelo menos ele agrada com um acabamento 100% fosco e botões físicos para ligar, desligar e ejetar discos.

Ele vem com as já tradicionais duas entradas USB 3.1 na frente e uma nova porta USB 3.1 na parte traseira. Para completar, ele tem uma saída HDMI compatível com 4K, assim como uma porta óptica de áudio, coisa que foi retirada no PS4 slim. Para conexão à internet, ele vem com uma porta LAN e teve melhorias em seu wi-fi IEEE 802.11 a/b/g/n/ac. Uma mudança curiosa está na entrada de alimentação de energia: em vez do plug usado nas outras versões do PS4, ele usa um soquete que remete ao antigo PS3 gordão.

Um ponto estranho: a Sony apresentou o PS4 como um console totalmente compatível com 4K, mas esqueceu de incluir um drive de discos compatível com blu-ray 4K. Segundo a Sony, essa decisão vem do fato que mídias físicas para filmes são coisa do passado, mas enfim, sendo ultra HD, porque não incluir?

O console vem com um armazenamento interno de 1 terabyte, o que vem a calhar já que para rodar games em 4K será preciso baixar pesadas atualizações. Completando o pacote, está o novo controle Dualshock 4.0, que possui um LED adicional no touchpad. Em suma, alguns retoques interessantes, mas nada realmente novo.

UM NOVO CONSOLE?

O PS4 Pro é um avanço considerável em relação ao seu irmão mais velho. Para entregar uma capacidade gráfica superior, ele conta com 4,2 teraflops em poder de processamento - em comparação, o Playstation 4 tradicional fica nos 1,8 teraflops. Muitos já ouviram falar de teraflops, mas afinal de contas, o que são eles? Essa medida diz respeito ao número de operações por segundo que um processador é capaz de fazer. No mercado atual de consoles, o PS4 Pro é o líder incontestável quando se trata disso.

A GPU do PS4 Pro roda a 911MHz, aproximadamente o dobro do clock que o PS4 normal possui. Sendo o console mais poderoso do mercado atualmente, o Pro é capaz de entregar imagens em até 4K e HDR, ou seja, mais resolução e uma paleta de cores mais rica.

Apesar disso tudo, não se trata de um novo console, por assim dizer. Ele ainda é um Playstation 4, compartilhando a mesma biblioteca de títulos. A única diferença é que ele tem um hardware mais poderoso para rodar isso tudo. É daí que saem as diferenças.

UM CONSOLE 4K?

Ao ligar o PS4 Pro, parece que nada mudou. Ele possui a mesma interface de uso do Playstation 4, apenas com uma resolução melhor. É uma decisão segura da Sony em se manter amigável para os usuários, afirmando que ainda é um PS4, mas não deixa de ser uma pequena decepção. Afinal de contas, as mudanças passaram longe da parte de usabilidade geral do console, mesmo que o hardware turbinado pudesse entregar isso.

Ao dar o play nos games, entretanto, as coisas mudam e o 4K, resolução quatro vezes maior que o Full HD suportado pelo PS4 normal, finalmente entra em cena.

O Playstation 4 Pro usa os mesmos softwares e discos usados no console tradicional, e uma atualização via web acrescenta os benefícios proporcionados pelo hardware melhorado do Pro. Melhores texturas, framerate ampliado, cores mais vivas graças ao HDR. Atualmente, cerca de 30 títulos tem atualizações que o tornam otimizados para rodar no Pro.

Em Uncharted 4, por exemplo os gráficos são visivelmente mais ricos e nítidos em uma televisão 4K, mantendo o framerate que o jogo apresenta no PS4 tradicional. Em The Last Guardian, por sua vez, o processamento do PS4 elimina completamente os gargalos de framerate que o game tem no PS4 antigo, rodando suavemente a 30 quadros por segundo.

Outros jogos, como Rise of The Tomb Raider, dão até a opção de escolher o benefício desejado com o poder extra do console. É possível escolher por uma resolução 4K com 30 frames por segundo ou um framerate de 1080p com 60 quadros por segundo, algo que pode agradar até quem não tem uma televisão ultra HD.

O processador melhorado do PS4 Pro também apresenta benefícios quando se uma Playstation VR. Algumas texturas ficam mais nítidas e o tempo de carregamento em certos games é reduzido. Porém, na parte de resolução, nada muda.

No geral, a diferença é visível, mas vamos colocar um parênteses nessa história. Infelizmente, boa parte dos games otimizados para PS4 Pro não rodam em 4K nativo. Eles usam uma técnica de upscale de resolução chamado checkerboard. Não vamos entrar em detalhes aqui de como esta tecnologia opera, mas podemos lhe explicar em algo simples. O console entrega imagens em 4K, mas ele não processa, não renderiza estas imagens em 4K pleno.

Upscaling é uma tecnologia oferecida por muitas TVs 4K, que pegam as imagens nativas em resolução menor e as melhoram para o display 4K. De qualquer forma, o método usado pelo Playstation 4 Pro no upscale de suas imagens é melhor do que o que muitas TVs costumam fazer. É preciso um olhar muito crítico para perceber imperfeições nas imagens, mesmo que elas não sejam em 4K nativo.

Quanto aos games não otimizados com atualizações para o Pro, eles mantém um visual e desempenho igual ao que você veria caso fosse um PS4 normal na TV 4K. Não há melhorias nos gráficos nem no framerate - o máximo de diferença que você poderá perceber será um tempo menor em telas de carregamento nos jogos. Na parte de aplicações, como o Netflix e o Youtube, o PS4 Pro funciona como se espera ao reproduzir conteúdos de vídeo em 4K. Funcional, mas nada de mais.

VALE A PENA?

Para quem tem uma TV 4K e gosta da melhor imagem possível para jogar seus games no Playstation 4, não podemos deixar de recomendar o upgrade para o Pro. Ele entrega melhorias significativas de imagem e processamento em relação ao seu antecessor. Colocamos as imagens de ambos os consoles em uma TV 4K e foi impossível não notar a diferença. Se você ainda não tem um Playstation 4 e quer ter um console da Sony em sua sala de estar, ao lado de sua TV 4K, então a escolha é clara: pague um pouco a mais e leve o Pro. Ele custa 399 dólares, 100 dólares a mais que o PS4 Slim. No Brasil, é possível encontrar o console por dois mil reais.

A mesma afirmação vale para quem ainda não tem uma TV ultra HD? Bem, nem tanto. Embora o aparelho da Sony entregue vantagens que vão além da resolução aprimorada, não chega a ser uma compra obrigatória para quem já tem o PS4. Para quem ainda não tem e está disposto a pagar as pratas extras que ele custa, pode até ser um bom negócio, ainda mais se mudar para uma TV 4K mais adiante.

De qualquer forma, o PS4 Pro é realmente o console mais poderoso disponível no mercado hoje, mas não representa um salto de geração. É um modelo intermediário, que oferecerá melhorias sobre os games lançados para o PS4 tradicional. Não, ele não terá jogos exclusivos, segundo a Sony.

Portanto, fica ao critério do consumidor escolher: quer apenas jogar? pode ficar com o PS4 normal. Quer a melhor experiência de imagem que a geração pode oferecer? Tem o PS4 Pro. Agora, a cartada é da Microsoft, que lançará o seu Project Scorpio este ano, prometendo um 4K de verdade. Vamos esperar para ver.

E aí, o que achou do PS4 Pro? Já tem um? Pretende comprar um? Conta pra gente nos comentários.

Assine nosso canal e saiba mais sobre tecnologia!
Leia a Seguir

Comentários

Newsletter Canaltech

Receba nossas notícias por e-mail e fique
por dentro do mundo da tecnologia!

Baixe já nosso app Fechar

Novidade

Extensão Canaltech

Agora você pode ficar por dentro de todas as notícias, vídeos e podcasts produzidos pelo Canaltech.

Receba notificações e pesquise em nosso site diretamente de sua barra de ferramentas.

Adicionar ao Chrome