Dell rebatiza linha de notebooks gamers e apresenta quatro novos modelos

Por Felipe Demartini | 03 de Abril de 2018 às 10h50
photo_camera Reprodução
TUDO SOBRE

Dell

A Dell anunciou nesta terça-feira (03) uma reformulação de sua linha de notebooks gamers, focando nos jogadores que buscam equipamentos mais baratos e com linhas sóbrias, mas sem perder poder de processamento. A Série G de equipamentos, como está sendo rebatizada, tem preços a partir de US$ 749 (cerca de R$ 2.500, em conversão direta e sem contar impostos) nos Estados Unidos.

O modelo mais básico é o G3 15, que, como o nome já indica, tem tela 1080p de 15,6 polegadas. Em sua versão mais básica, a mais barata da série de anúncios, o computador traz processador Intel Core i5 de oitava geração, placa de vídeo NVIDIA Geforce GTX 1050 com 4 GB e 32 GB de memória RAM, além de HD com 1 TB de capacidade.

Quem preferir, entretanto, pode optar pelo G3 17, com display de 17 polegadas, além de possibilidade de upgrades na placa de vídeo e armazenamento interno. Investindo um pouco mais, é possível colocar uma GPU NVIDIA Geforce GTX 1060 e/ou um SSD com 512 GB de capacidade.

Modelos da Série G da Dell têm configurações a partir de US$ 749(Foto: Dell)

Em um nível mais alto está o G5 15, que apesar da tela menor, também de 15 polegadas, já tem em seu modelo mais básico um processador Intel Core i7. Opções de personalização permitem escolher entre placas de vídeo NVIDIA GeForce GTX 1050 ou 1060, com o restante das configurações permanecendo similares – 1 TB de HD, 32 GB de memória RAM e possibilidade de inclusão de um SSD com 512 GB.

O destaque, porém, está na presença de uma tela com resolução 4K, também opcional do G5 15. Por fim, o G7 15 traz essa tela como padrão e a possibilidade de inclusão de um processador Intel Core i9, o que deve elevar o valor para além da casa dos US$ 1.099, aproximadamente R$ 3.600 em uma conversão direta, sem adição de impostos.

Para diferenciar a Série G de sua família Alienware de notebooks, essa sim oferecendo a maior performance entre os computadores portáteis da marca, a Dell foca no design. A ideia aqui é entregar um corpo fino e sóbrio para jogadores que procuram maior mobilidade, com poucas opções de cores e customizações visuais que, também, permitiram reduzir o preço do produto. A linha tem variações, mas, basicamente, está disponível em preto ou branco, com ou sem detalhes em vermelho.

Nova linha é focada em quem procura opções mais sóbrias e baratas, mas com boa performance (Foto: Dell)

Além disso, os notebooks têm placas de vídeo com tecnologia Max-Q da NIVIDIA, um recurso voltado, justamente, para sua colocação em computadores menores. Isso leva a um menor consumo de energia para maximizar a jogatina mesmo na bateria, além de um resfriamento mais eficiente sem a necessidade de ventoinhas barulhentas, mas também implica em poder de processamento reduzido em cerca de 10%.

A Dell incluiu ainda uma tecnologia chamada SmartByte, que otimiza o uso da rede nos aparelhos. O foco, mais uma vez, são os jogos e outros recursos relacionados a vídeo, com o dispositivo priorizando a jogatina online e reduzindo a banda disponível, por exemplo, para atualizações do Windows ou outros recursos conectados, reduzindo o lag.

Como dito, a ideia é focar nos usuários que não buscam a performance absoluta para seus jogos e desejam uma solução mais em conta e portátil. Outros adicionais incluem sensores de impressão digital em alguns modelos e novos recursos a serem adicionados “em breve”.

Os computadores já estão disponíveis para compra em varejistas online dos Estados Unidos, sem previsão de chegada ao Brasil ou outros países.

Correção: Originalmente, o texto relacionada a tecnologia SmartByte, da Dell, ao processamento de vídeo dos notebooks. A explicação foi corrigida para refletir sua real atuação sobre o gerenciamento de banda dos aparelhos.

Fonte: Dell

Pechinchas, cupons, coisas grátis? Participe do nosso GRUPO DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.