Valor da Bitcoin sobe 4% e pode atingir seu pico mais alto do ano

Por Redação | 09 de Outubro de 2017 às 18h39

Nesta segunda-feira (9), o preço da Bitcoin subiu mais de 4%, chegando aos US$ 4.800 por moeda, valor um pouco menor do que o maior pico registrado, que foi de US$ 4.983. As informações são do Markets Insider.

Este pico foi registrado no começo de setembro, mas acabou caindo em seguida depois de uma crise na China no que diz respeito à regulamentação de moedas virtuais no país. No dia 15 de setembro, o preço da Bitcoin caiu para US$ 2.900, e vem subindo desde então, mesmo com a grande quantidade de críticas negativas por parte de Wall Street.

O CEO da JPMorgan, Jamie Dimon, chegou a declarar que a Bitcoin era uma fraude. Ainda, Larry Fink, chefe da BlackRock (o maior investidor do mundo, gerenciando US$ 5.7 trilhões), disse que encara o crescimento explosivo da moeda virtual como um comportamento nefasto, "apenas identificando a quantidade de lavagem de dinheiro que está sendo feita no mundo" com as criptomoedas.

Já Kenneth Rogoff, ex-economista-chefe do Fundo Monetário Internacional, pensa diferente. Para ele, a Bitcoin "a longo prazo, vai prosperar, mas o preço da moeda entrará em colapso", acredita.

Fonte: Business Insider

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.