Taboola e Outbrain anunciam fusão para concorrer com Facebook e Google

Por Wagner Wakka | 03 de Outubro de 2019 às 12h00
Divulgação

Duas das maiores plataformas de publicidade digital, Taboola e Outbrain, anunciaram uma fusão para criar uma concorrência mais robusta contra Facebook e Google. A empresa informou a movimentação em comunicado para imprensa na manhã desta quinta-feira (03). Com o acordo, Adam Singolda, o fundador e atual CEO da Taboola, assumirá a posição de CEO da empresa resultante da união.

A proposta é aumentar o alcance da companhia na unificação entre as duas, sendo que ambas assumem que a intenção é juntar capacidades contra grandes players do mercado de publicidade digital. “Ao unir forças, poderemos criar um concorrente mais robusto para o Facebook e o Google, oferecendo aos anunciantes uma escolha mais significativa”, disse Singolda.

Um levantamento feito pela consultoria eMarketer apontou que do total de receita com publicidade nos Estados Unidos, 70% pertence a Google, Facebook e Amazon.

Segundo comunicado, foram cinco pontos analisados para a fusão. A primeira é o aumento da capacidade de escolha para clientes, como alternativa para a rede social e o mecanismo de buscas.

Outros pontos de destaque foram melhorar a eficiência de publicidade, gerar maior receita e engajamento do usuário, acelerar inovações e oferecer uma melhor experiência do consumidor.

Com a união, a companhia vai seguir somente com o nome de Taboola, mas o branding ainda será determinado para remeter a ambas empresa. Os acionistas da Outbrain receberão ações representando 30% da empresa combinada, mais US$ 250 milhões em dinheiro.

Haverá também fusão do Conselho Administrativo, com participação de membros de ambas companhias. Combinadas, as duas empresas contam com 2 mil funcionários em 23 escritórios. A carta de clientes é formada por mais de 20 mil empresas, em 50 países em todo mundo.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.