Rumor | Intel teria recorrido à TSMC para produção de chips de 14 nm

Por Eduardo Hayashi | 12 de Setembro de 2018 às 14h21
Tudo sobre

Intel

A Intel parece estar tendo dificuldades em atender à alta e crescente demanda de chips de 14nm, pois segundo fontes da indústria disseram ao DigiTimes, a empresa estaria com planos para terceirizar a produção de semicondutores para a Taiwan Semiconductor Manufacturing Company (TSMC).

Conforme o que foi dito, a Intel quer priorizar a confecção de produtos de alta margem, em grande parte compostos de chips direcionados a servidores e chipsets, ao passo que uma parcela da produção de chipsets H310 e "outros modelos da série 300" seria encaminhada para a TSMC.

Ainda conforme as fontes, a Intel optou por esta estratégia para lidar com uma demanda que foi além dos 50% que a fabricante conseguiria produzir, sendo a terceirização a saída mais óbvia e viável para a fabricante de chips.

Assista Agora: Descubra o jeito certo de criar verdadeiros times de alta-performance e ter a empresa inteira focada em uma única direção.

Alguns analistas de mercado acreditam que a capacidade apertada de fornecimento de chips de 14nm estaria relacionada ao atraso com os avanços da tecnologia de 10nm. Originalmente, a Intel estaria com planos para iniciar a produção em massa dos processadores Cannon Lake em 2016, no entanto, isso ainda não se tornou realidade devido a barreiras técnicas e financeiras. Com isso, espera-se que os chips de 10nm não fiquem prontos antes do quarto trimestre de 2019.

Após a disseminação destas informações, a Intel se pronunciou em comunicado ao site Tom's Hardware, apesar de não ter negado nem confirmado a veracidade das informações, a empresa garantiu que está ampliando os seus investimentos no processo de 14nm para atender à demanda do mercado.

A TSCM é atualmente uma das fornecedoras de semicondutores mais relevante do mercado, com fortes parcerias com a AMD, mais recentemente envolvida na confecção de chips de 7nm para a empresa, e também com a Apple, uma vez que a produção da nova geração de iPhones será assumida em grande parte pela companhia taiwanesa.

Fonte: DigiTimes, Tom's Hardware

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.