Pesquisa estima que até 2019 cerca de 48% das operações serão realizadas online

Por Redação | 03 de Julho de 2015 às 11h23

Cada vez mais as pessoas estão trocando as idas aos bancos por transações feitas online, seja na web ou por aplicativos. Mas a troca ainda está longe de atingir 100% das operações. Atualmente, a média mundial das operações feitas por esses canais é de 36% e na América Latina de 27%, segundo dados de estudos encomendados pela SAP para a consultoria The Economist.

De acordo com as informações coletadas, oito em cada dez banqueiros concordam que nos próximos cinco anos os dispositivos móveis se tornarão o principal meio de contato do cliente com o banco. A previsão para 2019 é que cerca de 48% das transações sejam feitas online e 56% delas em smartphones ou tablets.

Para Tonatiuh Barradas, vice-presidente para Setores Estratégicos da SAP América Latina, as estimativas não pretendem desvalorizar os canais tradicionais. “Para 61% dos bancos, a personalização e a inovação são fatores importantes para a retenção dos clientes. Então, ao pensar na abertura de canais online, é importante levar em conta a infraestrutura necessária para tirar proveito de todas as informações de valor que essas operações oferecerão para fidelizar os clientes", relata.

Além disso, segundo estudos de mercado criados pela SAP envolvendo empresas que já usam soluções de Big Data, aproximadamente 58% acreditam que as ferramentas de processamento e análise de dados em tempo real vêm ajudando a melhorar o relacionamento com os seus clientes, além de agregar valor às linhas de negócios.

Canaltech no Facebook

Mais de 370K likes. Curta nossa página você!