Grupo liderado pela Softbank compra 20% das ações da Uber

Por Redação | 29 de Dezembro de 2017 às 17h26
divulgação

Um novo rumo em relação ao destino da Uber foi tomado hoje (29): um grupo de consórcios liderado pela Softbank acaba de bater o martelo e adquirir uma participação acionária de cerca de US$ 48 bilhões de dólares na empresa de transporte por demanda. Isso representaria 20% das ações disponíveis para a compra.

Avaliada em US$ 68 bilhões, a Uber assinou o acordo que traz diversas mudanças na administração da companhia, uma vez que os escândalos enfrentados baquearam a imagem da empresa durante todo o ano de 2017 e de fato precisa de novos ares com um gosto de recomeço.

O grupo de consórcio que adquiriu a fatia conta também com o Dragoneer Investment Group, mas dos 20% adquiridos, cerca de 17,5% ficarão nas mãos dos japoneses da Softbank. O grupo investirá, ainda, mais US$ 1,250 bilhão para avanços tecnológicos e expansão da marca.

Assista Agora: Gestor, descubra os 5 problemas que suas concorrentes certamente terão em 2019. Comece 2019 em uma nova realidade.

Masayoshi San, CEO do Softbank, já havia relatado em novembro seu interesse em adquirir ações da Uber. Eles já haviam investido em outras empresas do mesmo segmento, como a chinesa Didi Chuxing e a indiana Ola. O mero anúncio de interesse já fez com que as ações do grupo Softbank tivessem altas na Bolsa de Valores de Tóquio, então espera-se que com o anúncio do negócio oficializado pelos dois lados, as ações do Softbank se elevem ainda mais nas primeiras semanas de 2018, quando os documentos forem, finalmente, assinados.  

Fonte: Wall Street Journal

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.