Comcast desiste de comprar a Fox; Disney sai vencedora

Por Felipe Demartini | 19 de Julho de 2018 às 11h49

A Comcast desistiu oficialmente de sua proposta de compra da 21st Century Fox, deixando o caminho aberto para que a Disney possa completar a aquisição da companhia. Em declaração oficial, a gigante das telecomunicações anunciou que está retirando sua oferta de US$ 65 bilhões e abandonando as negociações em prol da aquisição da Sky, outro conglomerado de mídia, mas baseado no território europeu.

Em jogo estão todas as propriedades da companhia de entretenimento, como canais de televisão aberta e fechada, marcas, direitos autorais de personagens e, principalmente, uma bela fatia do controle do Hulu, um dos principais rivais da Netflix nos Estados Unidos. Esse, inclusive, era um dos grandes interesses da Comcast, que já possui 30% de participação no serviço de streaming e, com a compra dos outros 30% possuídos pela Fox, tomaria controle majoritário da companhia.

Durante meses, a negociação seguia de maneira favorável à Disney, com uma proposta que ultrapassava os US$ 50 bilhões, até que a gigante resolveu entrar na história, colocando US$ 65 bilhões na mesa, em uma oferta que poderia soar mais vantajosa aos executivos da Fox. A casa de Mickey, entretanto, contra-atacou com nada menos do que US$ 71,3 bilhões, um montante que, agora, a Comcast não deseja mais tentar bater.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Não ajudava, muito, também, o fato de muitos dos executivos da Fox estarem mais favoráveis a seguirem com a Disney, mesmo diante de uma proposta mais favorável da Comcast. O principal motivo para isso seria o desafio regulatório representado pela aquisição, com o governo norte-americano já tendo demonstrado ressalvas sobre a compra e a possibilidade de criação de um monopólio em diferentes tipos de mídia.

Com tudo isso, veio então o anúncio da desistência da Comcast, que agora volta seus olhos para o Velho Continente. A Sky é o maior grupo de entretenimento e mídia da Europa, com sede em Londres, na Inglaterra, e mais de 21 milhões de assinantes em todo o território. A proposta da Comcast para a empresa é de US$ 34 bilhões.

Por mais que o caminho quando o assunto é a Fox esteja livre, isso não significa que as duas gigantes não vão voltar a se encontrar. Muito pelo contrário, com a diferença de que, agora, não existirá uma disputa pela compra – ao adquirir a Raposa, a Disney também embolsa uma parcela de 39% da Sky, praticamente dividindo com a rival o controle da companhia de mídia.

Fonte: Forbes

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.