SoundCloud está prestes a fechar acordo com três grandes gravadoras

Por Redação | 14.07.2014 às 11:30

"Se não pode com eles, junte-se a eles" – este parece ter sido o lema do SoundCloud que está próximo de fechar um acordo com grandes gravadoras para não ser processado. De acordo com o site Bloomberg, Universa, Sony Music e a Warner estariam negociando uma licença com o serviço para não levar à justiça um processo coletivo por violação de direitos autorais.

Com mais de 250 milhões de usuários, o SoundCloud, empresa sediada em Berlim, na Alemanha, pode ter que ceder de 9 a 15% de sua receita para as gravadoras, juntamente com uma não detalhada participação em negócios futuros, disseram fontes do Bloomberg que pediram para não serem identificadas.

Diferentemente do Spotify e do Deezer, o Soundcloud é um serviço gratuito no qual os usuários podem criar playlists e fazer upload de suas músicas preferidas. O temor é de que, com essa pressão de gigantes da indústria fonográfica, o SoundCloud restrinja o acesso e passe a cobrar por seu serviço.

No início do ano em uma rodada de investimentos, o SoundCloud foi avaliado em 700 milhões de dólares. Um acordo com as gravadoras poderia reduzir seu valor de mercado para 600 milhões.

Representantes das gravadoras e do SoundCloud não quiseram se pronunciar sobre o assunto.