SAP HANA será usado por bancos para ajudar a compreender hábitos da Geração Y

Por Redação | 19.08.2014 às 06:25

O setor bancário enfrenta novos desafios ano após ano e em 2014 um dos problemas que o segmento vem tentando resolver é a sua relação com a chamada Geração Y. Um estudo feito pela Scratch mostra que a geração dos jovens nascidos entre 1980 e 2000 vem produzindo grandes mudanças no setor e gerando demandas que não são atendidas por ele.

A conclusão final do estudo é que nenhuma instituição financeira vem fazendo um bom trabalho para se destacar da concorrência. Para se ter uma ideia, mais da metade dos entrevistados (53%) não acredita que os bancos possuem uma oferta diferente da concorrência, enquanto 71% deles dizem que preferem ir a um dentista a ouvir o que um banco tem a dizer.

Ciente do distanciamento dessas empresas dos jovens adultos que compõem a sociedade, a SAP tem fechado parcerias com o setor para implantar a plataforma de processamento de dados em tempo real SAP HANA para compreender as expectativas e anseios dos Millenials, como também é conhecida a geração.

"A Geração Y está levando os bancos a inovar e a tornar suas operações mais rápidas, descomplicadas e conectadas", disse Tonatiuh Barradas, vice-presidente de setores estratégicos da SAP América Latina. "Nós ajudaremos as instituições financeiras a se concentrarem mais nos jovens, oferecendo inovação nas áreas de análise, mobilidade e nuvem".

Os planos da especialista em softwares ERP incluem reunir os dados dispersos sobre o comportamento dos clientes, transações, riscos e fraudes, segurança e promoções para convertê-los instantaneamente em uma visão definitiva que ajudará os bancos e seguradoras a oferecerem serviços de melhor qualidade. Segundo Barradas, dessa forma os bancos poderão "compreender melhor a Geração Y" e "determinar as melhores taxas de juros e planos de investimentos" para esse tipo de cliente.

As informações geradas pelo SAP HANA também poderão ser utilizadas em outros canais, como o de relacionamento, através da integração entre nuvem, dispositivos móveis, Internet e mídias sociais.

Leia também: Grêmio aposta em soluções SAP para modernizar gestão de desempenho dos atletas