O "divórcio" com a Apple, sua maior cliente, pode custar caro para a Samsung

Por Redação | 09.08.2012 às 16:35

A briga nos tribunais entre as gigantes da tecnologia ainda não teve um fim, mas seja qual for o veredicto, a Samsung pode sair no prejuízo. Isso porque, segundo uma pesquisa realizada pela Gartner, a Apple é responsável por 8,8% da receita da Samsung.

As duas empresas já haviam trabalhado juntas com desenvolvimento de telas e chips de memória. Mas um contrato selado entre ambas tornou a Samsung a única fabricante dos processadores "série A", que fazem parte do coração de aparelhos como iPhones e iPads.

Segundo informações da Bloomberg, a Apple gasta cerca de US$ 2,1 bilhões na compra dessa série de chips anualmente. Um rombo razoável para o caixa da Samsung, não?

Rumores dizem que a empresa da maçã pretende substituir a fornecedora "traíra" pela Taiwan Semiconductor Manufacturing Company, mas por outro lado informações do mercado afirmam que a empresa não conseguirá alcançar os números exigidos pela Apple.