Chegou a vez do mercado de serviços se ligar no relacionamento com o cliente!

Por Colaborador externo | 28 de Junho de 2013 às 06h00

* Por Olivio Quirino

São mais de 10 anos no mercado e o CRM – Customer Relationship Management, ou Gestão de Relacionamento com Cliente – ainda encontra dificuldades para fazer parte do dia a dia das empresas. Micro, pequenas, médias ou grandes, fato é que TODAS – todas mesmo – precisam de seus clientes.

Não basta vender! Não basta reduzir valor e conseguir aquele esperado sim para emitir a NF! Isso não garante que ele vá bater à sua porta no mês que vem. O que garante mesmo, meu amigo, é você conhecer essa pessoa. Além de nome e telefone, estão particularidades que podem fazer toda diferença.

Sabe aquela rotina que muitos de nós vivemos quando vamos à padaria e a caixa pergunta se seu filho já melhorou da febre e se voltou para a escolinha? Pois bem, isso sim é CRM. Isso é Poder de Vendas!

É saber a rotina, as particularidades – sem ser invasivo –, conhecer a pessoa. Conquistar simpatia e fazê-la lembrar de você cada vez que ela precisar de seus serviços.

Quem não gosta de ligar para a gerente do banco e ouvir um, “Olá. Tudo bem com você? Parabéns, viu, semana passada foi seu aniversário. Desculpa, não consegui ligar, mas, desejo tudo de bom para você”? Quem não gosta de atenção?

E isso conquista a pessoa. É o melhor CRM.

Mas quando falamos para o mercado de serviços, como corretoras, escolas, clínicas, salões de cabeleireiros e outros, estamos falando de um volume grande de pessoas que entram e saem. É aí que a tecnologia pode dar uma mãozinha! Afinal, estamos falando para um mercado que está em franca expansão e todos precisam de sua fatia.

Três em cada quatro brasileiros trabalham nos serviços. O setor está em alta e é o que mais cresce no país. Além de estimular vagas de emprego, este crescimento gera melhores salários aos profissionais. Só em 2012, foram geradas mais de 1,2 milhão vagas.

Nada melhor do que uma indicação que liga para você e diz: “a fulana, filho do João, que me passou seu telefone. Ela que te indicou”. Pronto, conquistou mais uma pessoa indiretamente. Afinal, marketing positivo é sempre melhor!

Você sabia que o CRM aplicado de forma eficaz e humano chega a alavancar 20% as vendas na empresa? Não, né? Pois bem… veja como conhecer seu cliente pode ser ótimo.

E quando falo em CRM não falo em fórmulas mirabolantes e cheias de algoritmos. Falo em informações como eu e você. Aniversário, estado civil, quantos filhos etc. Aquele “desabafo” rápido que a pessoa solta na correria do dia a dia e que nem nos damos conta. A famosa conversa de elevador.

Sim, esse é o seu CRM. Use e abuse.

Centralize as informações com auxílio de sistemas cada vez menos complicados e que, por meio da nuvem, você pode ter acesso a qualquer canto. Até porque são muitas informações e seria humanamente impossível lembrar de tudo.

Mas não se esqueça do principal. Seu cliente não é cifrão. É humano!

*Olivio Quirino é executivo na Turing Sistemas, especializada em CRM e ERP para os mercados de serviços.

Instagram do Canaltech

Acompanhe nossos bastidores e fique por dentro das novidades que estão por vir no CT.