4 vantagens de ter uma PME como parceira

Por Colaborador externo | 05 de Março de 2015 às 12h45

Por Luan Gabellini*

As pequenas e médias empresas (PMEs) têm muitas vantagens sobre seus concorrentes maiores. Como um grande elefante, as companhias de maior porte geralmente não são tão ágeis e velozes como as pequenas. O fato é que grandes empresas muitas vezes são prejudicados pelo seu tamanho.

Ao tempo que pequenas empresas podem ser mais facilmente inovadoras, pois na maioria dos casos não têm um legado a ser carregado. O ritmo de uma pequena empresa também é muitas vezes mais rápido, e essa velocidade é frequentemente uma vantagem na hora de comprar ou contratar essa empresa.

Assim, confira quatro vantagens de ter uma PME como parceira de negócio:

Mudanças mais rápidas: Uma grande empresa deve envolver muitas pessoas e processos no desenvolvimento de produtos ou novos serviços, isso retarda muito o processo e gera uma enorme desvantagem. Contratar empresas menores pode dar mais agilidade em eventuais mudanças necessárias em produtos e serviços

Espírito de família: O atendimento mais pessoal e próximo também é uma vantagem que as pequenas empresas têm sobre as maiores. Ter um responsável único pelo atendimento muitas vezes irá salvar de muito stress. Não só por evitar repetir muitas vezes a mesma história, mas também por poder contar com um profissional que conhece melhor os detalhes de cada cliente. O próprio relacionamento entre os funcionários de uma empresa menor é mais próximo e isso gera muita sinergia.

Mais Próximo ao Cliente: Estar perto do cliente é importante para o sucesso nos negócios, e uma pequena empresa é frequentemente muito mais próxima do cliente do que uma grande. Uma pequena empresa pode se reunir com o cliente com mais frequência e desenvolver um relacionamento mais pessoal do que uma grande empresa. Uma grande empresa tem várias camadas e departamentos e muitas vezes tem procedimentos que impedem contato próximo com o cliente. Eventuais queixas do cliente podem ser tratadas mais rápido e em um nível mais pessoal em uma pequena empresa, fazendo relações com os clientes de longo prazo mais fáceis e mais rentáveis.

Estrutura enxuta: Uma pequena empresa é, por natureza, muito magra. Há menos funcionários do que em uma organização maior e também menos níveis de gestão. Com menos funcionários, uma pequena empresa pode muitas vezes ser mais competitiva em preço. Ter menos camadas de gestão torna também menor o tempo de decisão, permitindo a flexibilidade e adaptabilidade que uma empresa maior não tem.

*Luan Gabellini é sócio fundador da BetaLabs, empresa especializada no desenvolvimento de sistemas de gestão empresarial (ERP), e-commerce e softwares sob medida em cloud computing.

Inscreva-se em nosso canal do YouTube!

Análises, dicas, cobertura de eventos e muito mais. Todo dia tem vídeo novo para você.