Mudança no Windows faz Chrome funcionar 17% mais rápido

Por Redação | 01 de Novembro de 2016 às 08h24

Já faz um bom tempo que o Google Chrome goza do status de navegador mais popular do mundo, mas essa fama também trouxe seu lado negativo. Cada vez mais o navegador consome mais recursos e apresenta problemas de desempenho que fizeram dele um devorador de memória RAM. Esses problemas, entretanto, parecem estar ficando para trás.

Em uma publicação nesta segunda-feira (31), a equipe de desenvolvimento do Chrome alertou os usuários sobre um ajuste que a Microsoft fez no Profile-guided optimization (PGO) do Windows e o quanto a mudança impactou, positivamente, o desempenho do navegador. Segundo os desenvolvedores, os ganhos de desempenho chegam a beirar 17% na inicialização do Chrome, 6% no carregamento de páginas e 15% na abertura de novas abas.

PGO? O que é isso?

Para quem não está familiarizado com as nuances técnicas, o PGO é um recurso que avalia as funções mais utilizadas e prepara o Windows para tratá-las com maior prioridade, destacando recursos e removendo elementos desnecessários em prol de mais fluidez e agilidade.

O Chrome já se aproveita do PGO desde a versão 53, mas as mudanças mais recentes no recurso contribuíram para que o navegador consuma menos recursos e rode de maneira mais eficiente.

Navegador melhor

O anúncio vem em uma boa hora para a equipe de desenvolvimento do Chrome, que vem trabalhando assiduamente para manter o navegador competitivo e atraente.

Desde o ano passado o browser vem sendo alvo de críticas relacionadas ao consumo de memória RAM, CPU e bateria. Diante das queixas, sucessivamente o Google tem focado na otimização de desempenho do navegador em suas novas versões. Tanto é que, no mês passado, a empresa anunciou que uma futura atualização, prevista para ocorrer em dezembro, fará o Chrome consumir 50% menos memória RAM.

Sendo assim, a expectativa é que a união das melhorias prometidas para dezembro e o ganho de desempenho anunciado nesta semana façam o browser se manter competitivo, sobretudo, diante do Firefox.

Via Chromium Blog

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.