Extensão do Chrome ajuda a evitar compras de impulso

Por Redação | 24 de Novembro de 2017 às 16h21

A Black Friday é a temporada dos descontos e ofertas, mas para muita gente, também é a época de comprar várias coisas de que não se precisa. Mudar esse comportamento impulsivo e fazer com que os usuários de e-commerce reflitam sobre aquela aquisição que parece imperdível é o objetivo do Icebox, uma extensão para o navegador Google Chrome lançada pelo comparador de preços Finder.com.

Com integração aos mais de 400 sites de e-commerce que fazem parte da base do serviço — ou seja, boa parte do rol internacional do varejo eletrônico —, o plugin bloqueia o botão de compra. Em vez disso, permite que as possíveis aquisições sejam colocadas “na geladeira” por um tempo determinado pelo usuário, que pode ser de algumas horas até alguns dias. O padrão do serviço é um mês, com o utilizador sendo informado quando o período chega ao fim.

Icebox coloca possíveis compras "na geladeira" e impede compras por impulso

Nesse meio tempo, a ideia dos responsáveis pelo Finder é que a pessoa pensa sobre a necessidade real de ter aquele produto. Caso a vontade permaneça após o período de espera, é uma indicação de que ele efetivamente precisa ser adquirido. Mas a tendência é que, na maioria das vezes, o cliente se esqueça daquele desejo, constituindo-o como momentâneo e impulsivo.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

O Icebox também pode ser configurado para não bloquear certos sites, como os de redes de supermercados, por exemplo. Assim, compras do mês, itens de higiene ou saúde pessoal não acabam bloqueados, podendo ser comprados livremente. Sites não suportados pela ferramenta também podem ser adicionados ao sistema de lembretes, mas a falta de um bloqueio automático exige mais autocontrole por parte dos usuários.

Os responsáveis pelo Icebox indicam apenas uma única exceção ao uso da extensão — a Black Friday. Nos Estados Unidos, principalmente, a temporada é de descontos reais e, muitas vezes, efetivamente imperdíveis, tanto que desaparecem em poucos minutos. Por isso, o Finder aponta a desativação do recurso agora, com religamento na próxima terça-feira, quando tudo volta ao normal no mundo do comércio eletrônico.

Fonte: Finder.com

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.