Internet Explorer: Microsoft confirma que vai matar navegador do Windows

Por Redação | 17.03.2015 às 11:05
photo_camera Divulgação

O último evento da Microsoft, focado no Windows 10, mostrou que o Internet Explorer estava com os dias contados. Em nenhuma oportunidade a marca foi mencionada no evento, ao contrário do Project Spartan, que promete ocupar o lugar como principal navegador da empresa. Para confirmar as suspeitas de muitos, Chris Capossela, diretor de marketing da Microsoft, confirmou nesta terça-feira (17) que o IE deixará mesmo de existir, ao menos como marca.

O executivo da empresa de Redmond ainda declarou que a empresa está trabalhando em um nome e marca para o novo navegador. "Estamos pesquisando uma nova marca, ou um novo nome, para nosso navegador que deve estar no Windows 10", declarou.

O Project Spartan está sendo desenvolvido de maneira totalmente separada do Internet Explorer, o que significa que, ao menos por enquanto, ele se trata de uma alternativa ao browser ancião, que ainda continua a existir em algumas versões do Windows 10, especialmente por conta de compatibilidade técnica. Vale ressaltar também que, muito por conta de sua pré-instalação no Windows, o IE é um dos navegadores com mais usuários no mundo, apesar do interesse nos concorrentes seja crescente.

A Microsoft tentou ao longo dos últimos anos melhorar a imagem negativa do Internet Explorer com uma série de campanhas divertidas, incluindo brincadeiras com o próprio navegador. Embora ele tenha melhorado consideravelmente, desde então a estratégia da empresa não surtiu o efeito esperado e o navegador continuou a ser rejeitado por muitos usuários, que já estavam aderindo aos concorrentes Google Chrome e Mozilla Firefox, especialmente. Em dezembro do ano passado, o ex-chefe do Internet Explorer deixou a empresa, sugerindo uma nova era para o browser da Microsoft.

Capossela também detalhou a importância de colocar a marca Microsoft juntamente com outros produtos da empresa e mostrou dados e pesquisas sobre um novo nome para o navegador da empresa e para o Internet Explorer. Ao colocar a marca Microsoft a frente do nome do novo navegador da empresa, o interesse dos usuários do Chrome no Reino Unido foi muito maior.

A Microsoft está claramente testando nomes com base em pesquisa de mercado, mas ainda não está claro quando a empresa planeja revelar o nome final para o sucessor do Internet Explorer. É provável, portanto, que o nome "Microsoft" esteja ligado ao novo navegador, dispensando totalmente qualquer particularidade com o IE.

Via The Verge

Fonte: http://www.theverge.com/2015/3/17/8230631/microsoft-is-killing-off-the-internet-explorer-brand