Google quer que usuários do Firefox voltem a usar motor de busca da empresa

Por Redação | 23 de Janeiro de 2015 às 11h51

Uma mudança significativa no balanço do mercado de mecanismos de busca aconteceu quando a Mozilla decidiu substituir o Google pelo Yahoo! como o motor de pesquisas padrão do Firefox. Ao encerrar uma parceria de dez anos, a organização acabou gerando uma redução de 4% na participação da gigante nesse mercado, enquanto fez crescer em 3% a da companhia liderada por Marissa Mayer.

A alteração, que inicialmente não pareceu tão grave assim, parece ter atingido profundamente o Google e agora a companhia está pedindo aos usuários do Firefox que voltem a utilizar seu sistema como sua solução preferida para buscas. A empresa está fazendo isso por meio de uma mensagem exibida para alguns usuários nas páginas de pesquisa feitas diretamente pela URL do serviço. As informações são do site The Next Web.

Os dizeres “chegue mais rapidamente ao Google e faça dele sua ferramenta de busca padrão” são exibidos logo no topo, com um botão que leva às instruções sobre como fazer essa mudança. O mesmo também foi feito no Twitter, com a companhia publicando uma animação que ensina os usuários a realizarem a alteração e voltarem a utilizar os serviços da empresa. Aparentemente, apenas usuários dos EUA conseguem enxergar a mensagem, que não deve demorar para aparecer também em versões internacionais do serviço.

Na mesma medida, o Yahoo! lançou campanhas em diversos de seus serviços para que os usuários do Firefox atualizem seus navegadores e, sendo assim, passem a utilizar a empresa como seu destino para as buscas. Como parte de um acordo com a Mozilla, ainda, mesmo aqueles usuários que configurarem o browser manualmente para usar o Google verão uma mensagem ofertando a alteração de volta para a solução padrão da companhia.

A expectativa é de um aumento ainda maior no market share do Yahoo! e uma redução proporcional na participação do Google no mercado. E é justamente essa situação que o Google não quer nem pensar. O tráfego oriundo de buscas é um dos principais fatores de crescimento para as duas empresas, que veem seu maior volume de usuários trafegando por tais serviços e, claro, posicionam anúncios de alto valor nestas páginas.

Canaltech no Facebook

Mais de 370K likes. Curta nossa página você!