Google adiciona bloqueio automático de malwares no Chrome

Por Redação | 31.10.2013 às 17:29

O Google anunciou hoje que o Chrome está recebendo uma atualização automática com uma nova ferramenta que bloqueia malwares. A empresa já adicionou a nova funcionalidade na sua última build do Chrome Canary.

Todas as versões do Chrome irão, em breve, bloquear automaticamente os downloads de malware e avisar o usuário por uma mensagem na parte inferior da tela. O usuário poderá “descartar” a imagem, apesar de não estar claro se poderá parar ou reverter o bloqueio.

Bloqueio de Malware do Chrome

Em um post no blog do Chrome, Linus Upson, Vice Presidente do Google, explica que os criminosos e usuários mal intencionados tentam regularmente enganar os usuários para instalar e rodar softwares maliciosos, ao inclui-los com ofertas grátis, como descansos de telas, plug-ins de vídeos, ou até mesmo atualizações de segurança. Nesses casos, o Chrome está cada vez mais sendo um alvo, devido ao seu crescimento de uso.

Como nós sabemos, esses downloads raramente são o que eles fingem ser. O Google também adverte os usuários sobre isso:

“Esses softwares maliciosos se disfarçam em outros programas para que você não saiba que estão ali. Eles podem mudar a sua página inicial ou injetar anúncios em sites que você visita. Pior, eles bloqueiam sua opção de voltar com as configurações anteriores e são difíceis de serem desinstalados, te mantendo preso a eles”.

Em seu post, Linus também reiterou que outras ferramentas de segurança já são oferecidas pela empresa, como o serviço de Navegação Segura – que protege mais de 1 bilhão de usuários do Chrome, Firefox e Safari de malwares e sites de isca (10.000 sites novos são registrados todos os dias). No Chrome 29, o Google também adicionou uma opção para redefinir as configurações padrão (Configurações > Mostrar configurações avançadas), que permite que os usuários retornem o Chrome com as configurações iniciais, removendo todos os plug-ins, extensões e malwares que tenham sido instalados.

Configurações Chrome

O Google diz que o Canary é “a versão oficial mais avançada do Chrome, que resultou do envolvimento dos desenvolvedores do navegador com as versões do Chromium”.

O fato de o Google fazer essa atualização automática mostra que a empresa está mais preocupada em “quando” bloquear os malwares do que “se” deve bloqueá-los.