Firefox 36 vem com suporte completo ao HTTP/2

Por Redação | 24 de Fevereiro de 2015 às 17h40

A Mozilla lançou nesta terça-feira (24) a versão 36 do navegador Firefox, para os sistemas operacionais Windows, Mac, Linux e Android. O grande destaque fica por conta do total suporte ao chamado HTTP/2, edição revisada do protocolo de comunicação essencial para a troca de dados na web. As informações são do Venture Beat.

O HTTP já precisava de uma evolução há bastante tempo, visto que sua última revisão datava de 1999. Após o encerramento da nova versão, o HTTP/2, cabe agora às grandes companhias, em especial os navegadores, adaptarem-se às novas funcionalidades e normas. O Firefox, assim como o Chrome, era uma das plataformas que vinham acompanhando de perto a conclusão dos trabalhos da HTTP/2, por isso, é compreensível que o browser já venha com todas as novas funcionalidades nesta edição 36.

Entre as novidades para o navegador em sua versão desktop estão a sincronização de abas fixadas na página de uma nova guia; itens de segurança aprimorados, como o abandono de certificados de chaves 1024-bit RSA e de códigos inseguros RC4; suporte a vários recursos de HTML 5; alterações de compatibilidade e de saída de aplicativos no caso de bugs, entre outras coisas. A lista completa de mudanças pode ser vista aqui.

Para a edição 36 disponível para Android, as mudanças já ocorrem no próprio visual, que, de acordo com a Mozilla, tem como objetivo "simplificar a interação com as abas e permitir aos usuários criar, remover e trocá-las com apenas um toque". A companhia também revisou sua barra de ferramentas e adicionou um painel em tela cheia para que os usuários possam gerenciar melhor todas suas opções.

A Mozilla não faz questão de exibir números exatos, porém, estima que aproximadamente meio bilhão de pessoas ao redor do mundo esteja usando seu software neste momento. O HTTP/2 para a versão desktop do Firefox deve ser atualizado automaticamente, contudo, pode ser baixado direto pelo site do navegador. A edição para Android, que ainda deve passar gradualmente por ajustes, pode ser obtida por meio da loja virtual Google Play Store.

A Mozilla costuma lançar uma nova versão do Firefox a cada seis semanas. Então, é de se esperar que falhas ou itens que não funcionarem nesta edição 36 estejam aperfeiçoadas na 37ª, no final de março.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.